Como melhorar o ping para jogar? Descubra aqui como fazer!

como melhorar o ping

Como melhorar o ping para que sua experiência nos jogos online seja ainda melhor? Se você é um gamer já deve ter ficado frustrado quando você estava quase vencendo uma batalha com o seu time, mas aí a sua internet deu aquela leve travadinha. E assim você perdeu os segundo finais da luta.

Para evitar que isso aconteça, você precisa entender o que é o ping e como melhorar essa característica da sua conexão para evitar momentos como o relatado anteriormente.

Leia o texto até o final e saiba como aproveitar ao máximo aquela sua partida de League of Legends, por exemplo.

Leia também: Jogos leves para PC: conheça 7 opções

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

O que é Ping?

Ping é uma sigla em inglês para Packet Internet Grouper, mas como traduzimos isso para o português? Com uma única palavra: latência.  De forma simplificada, o ping é um cálculo que mede o tempo, em milissegundos, que um determinado pacote de informações (dados) solicitados pelo usuário leva para chegar até os servidores.

Simplificando mais um pouco, é o tempo necessário para que a informação transite entre os vários equipamentos que estão conectados ao servidor. Enquanto você está jogando uma partida online, vamos usar novamente o exemplo de League of Legends, você e outros membros da equipe estão conectados em um mesmo servidor.

A todo momento há informações indo da sua conexão para o servidor e do servidor para a sua conexão. A velocidade com que isso acontece é a latência ou ping.

Dessa maneira, quanto melhor for a sua conexão de internet menor será o seu ping ou tempo de latência. Ou seja, como gamer você quer garantir uma conexão de qualidade para não ficar para trás nos jogos.

Se a sua internet já é de boa qualidade, mas ainda assim o seu ping é mais alto do que você gostaria, há algumas coisas que podem ser feitas.  Veja no próximo tópico.

Como melhorar o ping: a sua velocidade de internet

O primeiro passo para melhorar o ping é verificar algumas coisas com relação a sua velocidade de internet:

  • Dê preferência para uma internet cabeada: a conexão via cabo funciona melhor que a wireless. Isso acontece por que a conexão Wi-Fi pode sofrer interferências de outros equipamentos da sua casa;
  • Caso não seja possível levar o cabo até o seu computador, instale a sua máquina no mesmo ambiente em que o roteador está. Desta maneira você reduzirá as interferências que podem afetar a sua conexão com os servidores do seu jogo preferido;
  • Monitore o consumo da sua internet banda larga: evite fazer o download de arquivos grandes. E, se possível, evite o uso de plataformas de streaming durante a sua partida.

Além dessas dicas, você precisa estar atento às configurações do seu computador. Principalmente a memória e a CPU podem interferir diretamente na latência da sua conexão.  Antes de começar a jogar, certifique-se de que o jogo escolhido é compatível com a máquina que você tem.

Outra dica que pode te ajudar a melhorar o ping é não deixar muitos programas abertos. Na hora de jogar fique apenas com os aplicativos necessários abertos. Há diversos programas que costumam inicializar quando você liga o seu computador, lembre-se de desativá-los no momento de jogar.

Leia mais: Quais são os 10 melhores jogos grátis da Steam? Descubra aqui!

Como melhorar o ping com redutores de latência

Não apenas a melhora da velocidade de internet pode ajudar a reduzir o ping. Há também programas exclusivos que funcionam como redutores de latência. Eles podem contribuir principalmente com jogadores profissionais, mas se você é um jogador amador também pode utilizá-los.

Dessa maneira garantirá as respostas rápidas nos jogos competitivos que você joga online.

Redutores de latência: como melhorar o ping?

Os redutores de latência têm recursos próprios e servidores locais que ajudam na otimização da sua conexão à internet. O mecanismo de funcionamento é muito parecido com uma VPN, já que seu IP pode mudar conforme a necessidade de redução do tempo de latência.

Porém, você precisa estar atento: certifique-se de que a comunidade do jogo escolhida por você aceita o uso de redutores de ping. Para isso basta avisar os administradores. É bem provável que todos os jogadores utilizem esse recurso. Nas partidas de campeonatos há inclusive programas que patrocinam times.

Os programas mais populares e acessíveis são: NoPing, ExitLag, SemLag e Wtfast.  Quer conhecer mais sobre as opções? continue a leitura para descobrir como melhorar o ping. 

Os redutores de ping mais populares

NoPing

É um programa brasileiro que dá suporte para diversos jogos populares. Ele conecta-se com todas as redes da casa. Ou seja, se uma conexão cair ele continua com outra conexão. Este não é um programa gratuito. Os planos variam de R$ 8,90/semana ou anual de R$ 15,61/mês.

ExitLag

Outro programa brasileiro. Ele tem a vantagem de oferecer suporte durante as 24 horas do dia através da sua conta oficial no Discord. Pode ser utilizado em mais de 100 jogos e faz uso de rotas de conexão múltiplas, garantindo a maior velocidade de conexão.

Os planos disponíveis são mensais, trimestrais ou semestrais com os seguintes valores: R$ 19,50, R$ 55,50 e R$ 105. Também não há período de testes gratuitos.

SemLag

Também é um aplicativo brasileiro.. Se você curte jogos mais antigos esse é o redutor de ping que pode te ajudar. A sua promessa é reduzir o lag em até 80%. Você pode optar pelo plano semanal (R$ 8,90) ou plano mensal (R$ 19,90). Nas duas opções você também garante os serviços de criptografia e VPN. Você pode testar gratuitamente por 24 horas.

Wtfast

Entre as quatro opções citadas este é o mais popular. Com o Wtfast é possível estabelecer conexões com vários servidores. O programa dá suporte para mais de mil jogos. E tem mais uma grande vantagem: utiliza uma rede privada própria, de maneira que o uso de estratégias para mascarar o IP não são necessárias.

Os planos disponíveis são: mensal (US$ 9,99), trimestral (US$ 28,47), semestral (US$ 53,95) e anual (US$ 99,90). Você pode testar gratuitamente pelo período de trinta dias ou assinar por três dias por US$ 1,99 ou  trinta dias por US$ 10,99. Se optar pelo Wtfast, fique atento às taxas de câmbio para verificar as variações de valor.

Como melhorar o ping com o Claro Gaming

A Claro Gaming é uma plataforma da Claro que ajuda os gamers a terem as melhores experiências durante as suas partidas. Contratando esse serviço você pode ter acesso a uma banda larga de até 500 Mbps. E há um outro benefício exclusivo para clientes do Claro Gaming: a otimização do ping.  

A Claro, neste serviço gratuito prepara as melhores e mais curtas rotas de conexão para você. A redução do tempo de latência (ping) é garantida. E também a redução das oscilações de conexão ou até mesmo queda do sinal.

Fique por dentro de outras vantagens do serviço:

  • Atendimento 24 horas: sempre há uma equipe disponível para te ajudar por chat, e-mail ou telefone;
  • Prioridade na venda de pré-ingressos de eventos concorridos;
  • Showmatches: se você manda bem em algum jogo pode competir em partidas com profissionais;
  • Descontos exclusivos para jogos e colecionáveis;
  • Acesso a plataformas de streaming do mundo dos jogos.
  • Loot Boxes: ao se tornar cliente Claro Gaming você ganha um loot de boas-vindas do seu jogo preferido, e também garante acesso a loots mensais de diversos jogos;
  • Lucky Numbers: gosta de jogos de sorte? Todo mês você ganha números e concorre a diversas promoções e bônus exclusivos. Os números da sorte são cumulativos!

Saiba mais: Claro Gaming oferece ultravelocidades e ping otimizado

CONFIRA OS MELHORES PLANOS DA TIM PARA O SEU CELULAR

Agora que você já sabe como melhorar o ping!

Compartilhe esse conteúdo com seus amigos do mundo dos games. Assim, quando vocês forem se reunir para derrotar aquele chefão, ninguém vai perder a sua conexão ou dar um golpe quando já for tarde demais por causa da latência da internet.

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Como colocar crédito pelo cartão de crédito? Veja formas simples!

como colocar crédito pelo cartão de crédito

Antes de mais nada, se você tem um celular pré-pago já deve ter passado pela chata situação de precisar de créditos e não ter saldo. Por isso, neste post, vamos ensinar como colocar créditos no celular pelo cartão de crédito de forma bem fácil.

Inicialmente, muita gente prefere usar celulares com chip pré-pago por causa da comodidade, diversidade de planos e pacotes de internet e do maior controle com as despesas com esses gastos no final do mês.

Dessa forma, é bem provável que você não seja o único que precise saber como colocar crédito pelo cartão de crédito no seu chip de celular pré-pago.

Além do mais, ninguém gosta de não ter créditos quando mais precisa, não é mesmo? Por isso, sabia mais sobre como usar o serviço de recarga programada aqui.

Além disso, se o seu cartão também tem a função de débito, também é possível fazer a recarga com ele. Saiba o passo a passo de como colocar crédito usando o cartão de débito aqui.

Leia também: Plano de TV pré-pago: saiba como funciona

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

1 – Veja como colocar crédito via ligação

Em princípio, a forma mais simples para se livrar do inconveniente de ficar sem créditos em seu aparelho de celular quando mais precisa é ligando para a sua operadora para fazer a recarga de créditos pelo cartão de crédito.

Entretanto, antes de tudo você precisa se certificar de que seu cartão de crédito está com o limite disponível para a compra dos créditos com sua operadora de telefone celular.

Em seguida, com seu cartão de crédito e CPF em mãos, basta ligar para a sua operadora e escolher os planos disponíveis neste canal de atendimento.

Então, veja abaixo os números das operadoras para ligar e colocar crédito pelo cartão de crédito no seu celular:

  • Claro: *555#
  • Oi: *300#
  • Tim: *244#
  • Vivo: *321#

Em seguida, o atendimento telefônico irá dar o passo a passo de como colocar crédito pelo cartão de crédito.

Por isso, tenha em mãos o seu cartão de crédito. E se você não for o titular da linha, tenha também o nome completo, data de nascimento e CPF do dono da linha.

2 – Veja como colocar crédito via RecargaPay

Como já dissemos anteriormente, o celular pré-pago é uma boa opção para quem quer ter um controle maior sobre os gastos com telefonia móvel e internet. Entretanto, o avanço da tecnologia tem nos permitido desfrutar de cada vez mais opções que aliam segurança, controle financeiro e praticidade.

Afinal de contas, você já deve ter ouvido falar da revolução dos bancos digitais, não é mesmo? Sendo assim, as fintechs são boas ferramentas na hora de colocar créditos pelo cartão de crédito.

Por isso, o RecargaPay é uma startup que trabalha para inovar e otimizar serviços do sistema financeiro.

Além disso, ela oferece serviços que você pode utilizar pelo seu celular, como pagamento de contas ou boletos, transferências, recargas de credito no seu celular pelo cartão de crédito, entre outros.

Sendo assim, você pode usar o crédito que você tem na sua carteira virtual, ou você pode fazer recargas com seu cartão de crédito. Além do mais, quando você se cadastra no aplicativo, você ganha um cupom de R$ 10 de crédito para sua primeira recarga para qualquer operadora.

Se você é uma pessoa que não confia muito na sua memória é melhor optar pela recarga programada.

Leia também: RecargaPay é seguro? Veja como fazer as operações

3 – Veja como colocar crédito pelo site da operadora

Vamos dar alguns exemplos de recarga pelos sites das principais operadoras. Inicialmente, vamos falar sobre como fazer recarga com cartão de crédito pelo site da TIM por meio do serviço Recarga Express. Com ele é possível fazer o cadastro do seu cartão de crédito e salvar os dados para as próximas recargas.

Sendo assim, para contratar pacotes turbo ou recargas automáticas pelo site da TIM, siga os seguintes passos:

  1. Entre no site da TIM e busque pela aba de recarga;
  2. Na página, é necessário informar o número do chip de telefone que será recarregado;
  3. Em seguida, um código será enviado ao número informado para prosseguir com a recarga pré-pago;
  4. Dessa forma, basta seguir as novas instruções e pronto, seu número será recarregado.

Se você é cliente Oi, poderá colocar crédito pelo cartão de crédito acessando o site da operadora e seguindo as seguintes etapas:

  1. Entre no site da Oi;
  2. Em seguida, clique na aba Recarga;
  3. Depois, escolha o valor que você deseja carregar;
  4. Então, digite o número que deseja carregar e informe os dados do cartão de crédito;
  5. Finalmente, clique em finalizar recarga
  6. Após isso, você receberá uma mensagem informando sobre a recarga via sms.

Finalmente, se você é um cliente Claro, você poderá colocar créditos pelo cartão de crédito no seu celular acessando o site da operadora e informando o número que você deseja recarregar. Em seguida, você receberá um código de confirmação de recarga por SMS com as instruções para a recarga.

Ademais, a Claro permite colocar créditos pelo cartão de crédito das bandeiras Visa, Mastercard, Elo, Hipercard, além de GooglePay, PayPall e MercadoPago.

Saiba mais como funciona o serviço SOS Recarga da Claro. Clique aqui e confira!

Como colocar crédito na Vivo

Assim como as operadoras citadas acima, a Vivo também oferece diversas formas para efetuar a recarga de celular pelo cartão de crédito. Primeiramente, se você quer colocar crédito pelo cartão de crédito via telefone, basta ligar para *7000 e, em seguida, apertar a opção 2.

Posteriormente, você receberá as instruções da gravação de voz para concluir a operação. Tenha em mãos o seu cartão de crédito e número do CPF do titular da linha.

Entretanto, se você quiser, você poderá colocar crédito pelo cartão de crédito usando o site da Vivo. Para isso, siga os seguintes passos:

  1. Acesse vivo.com.br/para-voce;
  2. Em seguida, procure pela aba Produtos e Serviços;
  3. Depois, vá para a aba Celular e selecione Recarga;
  4. Feito isso, selecione a opção meu número;
  5. Informe o número que deseja fazer a recarga;
  6. Após isso, você receberá um código via SMS;
  7. Com o código, você fará cadastro do cartão e poderá concluir a compra.

Em síntese, a forma como as operadoras de celular disponibiliza a função para colocar crédito pelo cartão de crédito é bem parecida entre elas. Por isso, verifique sempre se o seu cartão de crédito tem limite disponível antes de solicitar a recarga.

CONFIRA OS MELHORES PLANOS DA TIM PARA O SEU CELULAR

Leia também: Como cadastrar um chip pré-pago

4 – Veja como inserir crédito pelo aplicativo e sites parceiros

Além dos meios citados acima, a maioria das empresas de telefonia móvel do país também possuem parcerias com os principais bancos do país. Dessa forma, você pode colocar crédito pelo cartão de crédito usando o próprio aplicativo ou site da sua agência bancária, utilizando a função de débito ou o cartão de crédito.

Além disso, os clientes Vivo podem fazer a recarga pelo aplicativo Meu Vivo, disponível para Android e IOS e por meio do WhatsApp.

Se você é cliente Claro, você também poderá colocar crédito pelo cartão de crédito pelo aplicativo Minha Claro. Além disso, assim como ocorre para os clientes da Vivo, na Claro você também tem a opção de colocar crédito pelo cartão de crédito pelo WhatsApp.

Finalmente, esperamos que você tenha entendido como colocar crédito pelo cartão de crédito de forma fácil e rápida. Por isso, não deixe de acompanhar nosso blog para ter outras dicas como essa. Até a próxima!

Como apagar o histórico do Google no computador e no celular?

como apagar histórico do Google

Sabemos que navegar na internet enquanto estamos logados em uma conta do Google expõe nossos comportamentos aos robôs da empresa. Isso quer dizer que o serviço de buscas mantém um histórico de atividades e guarda informações sobre sites visitados, pesquisas feitas, locais visitados, dentre outras atividades. Por isso, surge a pergunta “como apagar o histórico do Google” para evitar esse rastreamento. 

É bem importante ter preocupação com a privacidade na internet. Sabemos que o Google coleta diversas informações de uso em seus serviços, seja no celular ou computador. Até mesmo a busca e os termos mais recentes que você pesquisou são mostrados ao acessar a caixa de busca do celular.

Por isso, saiba que você pode apagar o histórico do Google, além de contar com uma função que permite apagar seu histórico de atividades de forma automática. 

Como a ferramenta não vem ativada por padrão, vamos detalhar melhor para que você possa decidir se quer deixá-la ativa. Vale ressaltar que a ferramenta gerencia o registro completo de suas atividades, desde a criação de sua conta Google como buscas no YouTube, localizações no Maps, pesquisas e outros.

Entenda agora como apagar o histórico do Google!

Leia também: Como desativar Google Assistente? Descubra aqui!

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

Como apagar o histórico do Google

É possível encontrar todos os registros do seu histórico no Google na ferramenta chamada “Minha atividade”. Nela é possível apagar as informações ali contidas pela web a partir de qualquer navegador ou por aplicativo. Siga o passo a passo:

  • Acesse myactivity.google.com/myactivity;
  • Faça login com sua conta Google;
  • Toque no menu no canto superior esquerdo e clique em Excluir atividade por;
  • No campo escrito “Hoje”, procure selecionar o período que você quer apagar os dados. Você pode optar por “Todo o período”;
  • Na opção “Todos os produtos”, escolha quais atividades você quer apagar; 
  • É possível apagar tudo de uma vez ou selecionar opções como Android ou se preferir, anúncios que apagam apenas as atividades desses produtos; 
  • Toque em Excluir;
  • Confirme a operação tocando em OK e depois tocando em Excluir;
  • Pronto! A sua atividade na pesquisa do Google (ou em todos os produtos) foi excluída.

Como apagar o histórico de pesquisa no iPhone

Ao entrar em myactivity.google.com/myactivity, é possível apagar o histórico do Google pelo iPhone. Além disso, é possível limpar somente o histórico de buscas no iOS seguindo os passos abaixo:

  • Acesso o aplicativo do Google;
  • Toque no botão no canto superior direito e entre em Configurações;
  • Role a tela para baixo e, abaixo de Privacidade, toque em Histórico;
  • Toque em Limpar histórico no dispositivo;
  • Pronto! O histórico de buscas no iPhone foi apagado.

Leia também: Google Translate: tudo o que você precisa saber sobre a ferramenta

Como limpar histórico de pesquisa Google pelo Android

Você pode optar por apagar apenas seu histórico de pesquisa no Android também. Para isso, siga os seguintes passos:

  • No smartphone ou no tablet Android, abra o app Chrome Chrome;
  • No canto superior direito, toque em Mais Mais e Histórico;
  • Se a barra de endereço estiver na parte inferior da tela, deslize para cima nessa barra. Toque em Histórico Histórico;
  • Toque em Limpar dados de navegação;
  • Ao lado de “Período”, selecione a parte do histórico que você quer excluir. Para limpar tudo, toque em Todo o período;
  • Selecione “Histórico de navegação”. Desmarque todos os outros dados que você não quer excluir;
  • Toque em Limpar dados.

Desative o registro das atividades Google

É possível impedir que o Google registre suas atividades. Para isso, você deve voltar na página de Minha atividade, e tocar em Controles de atividade. Em seguida, desmarque as opções:

  • Atividade na Web e apps;
  • Histórico de localização;
  • Ou Histórico de pesquisa do YouTube;
  • Histórico de exibição do YouTube.

Pode acontecer de precisar confirmar a operação tocando em Pausar. 

Outras informações, como Informações do dispositivo e Atividade de voz e áudio, por exemplo, podem limitar o uso do seu dispositivo, deixando de sincronizar os contatos na nuvem ou piorando o reconhecimento do recurso “Ok Google”. Porém, se você realmente quer proteger a sua privacidade ao máximo, pode desativar mesmo assim.

Como excluir histórico de atividade automaticamente pelo computador

Para realizar esta configuração do Google pelo celular, siga o passo a passo a seguir:

  • Acesse este link no navegador de sua preferência. Caso solicitado, realize o login com a sua conta do Google, a mesma que você utiliza no celular, Gmail etc;
  • Quando a página estiver carregada, clique em “Acesse sua Atividade na Web e de Apps”;
  • Na próxima página, clique em “Escolher por quanto tempo guardar”;
  •  Selecione uma das duas opções, conforme está destacado na imagem abaixo e clique em “Próxima”;
  • Por fim, basta clicar em “OK”.

Além de fazer esta configuração para apagar o histórico de atividades automaticamente, você também pode excluir algo que tenha feito de forma manual, de modo que não seja necessário esperar o tempo configurado.

Para isto, na mesma tela em que você realizou a última configuração, basta encontrar a “atividade desejada” e usar a opção para excluí-la, conforme mostra a o passo a passo abaixo.

Leia também: Google Maps Anônimo: saiba como usar a nova função

Como apagar histórico de atividade automaticamente pelo celular

O processo pelo celular é bem simples, basta seguir os seguintes passos:

  • Acesse a tela de “Configurações” do Android e entre em “Google”;
  • Vá em “Conta do Google” e clique em “Dados e personalização”;
  • Na nova guia, toque em “Atividade na web e de apps” e vá em “Gerenciar histórico”;
  • Em seguida, toque em “Escolher por quanto tempo guardar”, selecione o período desejado e toque em “Próxima”. Na última mensagem, basta tocar em “OK”.
  • Pelo celular também é possível apagar atividades indesejadas de forma manual.

Apagar o histórico não limpa sua atividade do Google

Vale ressaltar que ao limpar o histórico de sites, você não remove sua atividade de forma automática do Google. Ou seja, todos os registros feitos no buscador ainda estarão salvos na sua conta de usuário, que solicita e acessa os resultados direto do Google.

Esse tipo de dado fica salvo para que a empresa possa oferecer informações relevantes aos usuários. Ou seja, é por esse motivo que quando você pesquisa um produto na web, esse mesmo item passa a aparecer por outros sites que você navega na internet. Porém, você pode apagar manualmente os registros que a plataforma possui de você.

Ao explorar a ferramenta Minha Atividade e retirar os acessos da ferramenta aos seus dados, você pode rever também suas configurações de anúncios do Google, assim:

  • Acesse adssettings.google.com;
  • Desmarque a opção “Personalização de anúncios”.

Como limpar o histórico do YouTube

A pesquisa do YouTube, tanto pelo site como pelo aplicativo, também salva o que você busca no catálogo de vídeos publicado na plataforma. Dessa forma, inclui o que você assistiu em uma lista, ficando ficam disponíveis em Biblioteca > Histórico.

Esses dados podem ser vistos somente por você, porém, caso alguém acesse o seu smartphone ou computador, pode ter acesso a essa informação por completo, sem que você queira ou saiba.

Siga os passos a seguir para limpar o histórico e não passar mais por isso:

  • Entre no app do YouTube;
  • Na aba Biblioteca, clique em Histórico;
  • Aqui você poderá ver o seu histórico de navegação;
  • Toque nos três pontinhos no canto superior direito, e depois em Limpar histórico de exibição;
  • Confirme a operação tocando em Limpar histórico;
  • Caso você queira desativar o histórico do YouTube, toque em Pausar o histórico de exibição;
  • Feito! O seu histórico foi limpo e pausado;
  • Agora, o YouTube não vai mais registrar os vídeos que você assiste na plataforma.

Leia também: A Inteligência Artificial está mudando o mercado de trabalho

QUER O MELHOR PARA SEU CELULAR? ENTÃO, CONFIRA AS OFERTAS DA TIM! 

E aí, respondemos sua dúvida sobre como apagar histórico do Google?

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Como saber quantos chips tem cadastrado no meu CPF? Descubra já!

como saber quantos chips tem cadastrado no meu cpf

Como saber quantos chips tem cadastrado no meu CPF? O que preciso fazer? Essa é uma informação importante para que você tenha controle de quantas e quais linhas telefônicas estão cadastradas em seu nome.

Mas por que isso é vantajoso para você? Com acesso fácil e prático a esta informação você consegue controlar como o seu CPF está sendo utilizado. Ou seja, você evita que o seu cadastro como pessoa física (CPF) seja utilizado de maneira inapropriada e fraudulenta.

Afinal, ninguém quer outra pessoa fazendo uma dívida com empresas de telefonia em seu nome, certo? Então leia este texto até o final, vamos mostrar o passo a passo de como descobrir quantos chips estão vinculados ao seu CPF.

Leia mais: Como saber a operadora de um número? Descubra!

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

O que é o Cadastro Pré?

Em janeiro de 2020, com a autorização da Anatel, as diversas operadoras telefônicas que atuam no Brasil criaram o “Cadastro Pré”. Este é um serviço online e gratuito que mostra para você, consumidor, se o seu CPF é utilizado de forma não autorizada por outras pessoas.

A plataforma é muito simples e intuitiva, de modo que você não terá grandes dificuldades de acessá-la e realizar a consulta. Digitando apenas alguns dados e selecionando algumas opções você consulta, de forma automática, se e como o seu CPF está sendo utilizado em algum dos 27 estados do território brasileiro.

Apesar de ser muito prática, a plataforma tem algumas limitações que poderiam ser melhoradas, como por exemplo:

  • A consulta não permite descobrir linhas de planos nas modalidades pós-pago ou controle, ou seja, são mostradas apenas linhas na modalidade pré-paga;
  • Os resultados não mostram os números das linhas telefônicas que estão cadastradas em seu CPF;
  • Não é possível descobrir quantas linhas estão vinculadas ao CPF consultado.

Mas então o que o Cadastro Pré permite descobrir? Ele ajuda informando em quais operadoras há linhas de pré-pago ativas cadastradas em seu CPF. E caso você perceba alguma irregularidade pode entrar em contato com a operadora para resolver a situação.

Portanto, é uma boa ferramenta se a sua dúvida é “como saber quantos chips tem cadastrado no meu CPF”.

Leia também: Qual o plano controle mais barato de 2021? Veja aqui

Como o Cadastro Pré pode ajudar?

Além da identificação de quantos chips estão cadastrados no seu CPF, a plataforma do Cadastro Pré pode ajudar de outras maneiras. Ao acessar o site você verá que no canto superior direito há algumas opções disponíveis: sobre, consulta, perguntas frequentes e contato das prestadoras.

Ao clicar em “sobre” você ficará por dentro do processo de desenvolvimento da plataforma. Vai saber quais operadoras apoiam o projeto.  Ao clicar em “consulta” será possível descobrir quantos chips estão vinculados ao seu nome. No próximo tópico você verá o passo a passo do processo de consulta.

Na opção “contato prestadoras” você terá acesso aos endereços eletrônicos e contato telefônico das operadoras.

E as perguntas frequentes?

Elas são úteis para tirar algumas dúvidas que você pode ter sobre os serviços de telefonia móvel e o funcionamento da plataforma, como por exemplo:

  • O que é o serviço de consulta de terminais pré-pago?;
  • Quais são as prestadoras participantes?;
  • Como faço para consultar se possuo linha pré-paga ativa em alguma prestadora?;
  • Esta consulta terá também o resultado de linhas pós-pagas ativas nas prestadoras?;
  • Caso não possua linhas pré-pagas ativas, aparecerá algum resultado?;
  • Como fazer para entrar em contato com a minha prestadora?;
  • Fiz a portabilidade do meu número de telefone, porém no resultado da consulta ainda aparece como tendo linha pré-paga na prestadora anterior. Como devo proceder?;
  • Após consultar meu CPF nesse site, cancelei meu pré-pago na prestadora, porém no resultado da consulta ainda aparece como tendo linha pré-paga ativa na prestadora. Como devo proceder?;
  • O resultado da minha pesquisa mostrou que existem algumas linhas pré-pagas cadastradas/habilitadas no meu CPF, as quais eu desconheço. O que devo fazer?

Leia também: Chip não registrado na rede. O que é e como responder?

Como saber quantos chips tem cadastrado no meu CPF?

O primeiro passo é saber qual o seu cadastro como pessoa física (CPF). Se você não souber qual o seu CPF pode descobrir em seus documentos de identificação como o registro geral (RG) ou carteira de habilitação.

Está com seu CPF em mãos? Hora de realizar a consulta seguindo estas orientações:

  1. Abrir o seu navegador (no computador ou em seu aparelho celular) e acessar o site do Cadastro Pré;
  2. No canto superior direito você observará que há algumas opções, entre elas a opção de “Consulta”, clique nela;
  3. Digite atentamente o seu CPF, verifique que o número é o correto, caso contrário a consulta não vai dar certo;
  4. Clique na caixa de seleção para indicar que você não é um robô;
  5. Clique na caixa de seleção para confirmar que você está de acordo com os termos e condições da plataforma;
  6. Realize a consulta clicando no botão verde “Consultar”.

Agora você já sabe como descobrir quantos chips tem cadastrados no seu CPF. Ao clicar em consultar ele vai mostrar em quais operadoras você tem linhas pré-pagas em seu nome.

Verifique com atenção em quais operadoras o seu CPF está cadastrado. Percebeu alguma irregularidade? Saiba o que fazer na sequência.

Leia mais: Recarga Express TIM: veja como fazer a sua!

Descobri a quantidade de chips cadastrados no meu CPF: o que faço agora?

Se você descobriu alguma irregularidade em seu CPF, é hora de agir. O melhor a fazer nestas situações é entrar em contato com a operadora e solicitar o cancelamento da linha. Dessa maneira você garante que nenhuma pendência financeira vai surgir futuramente, evitando que o seu nome seja prejudicado.

Veja os números para entrar em contato com as principais operadoras que atuam no Brasil:

  • Claro: 1052;
  • Tim: 1056;
  • Vivo: 1058;
  • Oi: 1057;
  • Algar: 10312;
  • Sercomtel: 1051.

Para realizar o cancelamento você deve:

  1. Entrar em contato com a operadora em que seu CPF está vinculado a uma linha telefônica através da central de atendimento ou através do site a operadora;
  2. Solicitar o cancelamento da linha fornecendo os dados solicitados pela operadora (para prevenção de fraudes);
  3. Aguardar entre 24 e 48 horas para que o cancelamento da linha seja finalizado.

Fique por dentro: Veja aqui como reativar o chip cancelado

Como saber em qual CPF está cadastrado o chip que eu utilizo?

Para descobrir essa informação não há uma plataforma, como o Cadastro Pré, que possa ajudar. A solução para esta dúvida é entrar em contato com a central de atendimento da sua operadora. Verifique o número correto no tópico anterior.

Ao realizar a chamada telefônica para consulta o atendente realizará os procedimentos padrões para confirmar a sua identidade. Serão solicitadas informações com relação aos seus documentos.

Assim que sua identidade for confirmada o atendente da operadora poderá te informar em que CPF a sua linha está cadastrada. Dessa maneira também é possível descobrir quantas linhas estão vinculadas ao seu CPF para determinada operadora.

Entre as operadoras, o procedimento pode ter algumas diferenças, mas o processo básico é este: simples e rápido.

CONFIRA OS MELHORES PLANOS DA TIM PARA O SEU CELULAR

Entendeu como saber quantos chips tem cadastrado no CPF?

Com essas dicas, você poderá ter um melhor controle de como o seu cadastro de pessoa física está sendo utilizado. Isso é muito importante para que você preserve o seu nome e evite que dívidas sejam feitas sem o seu conhecimento.

Afinal, nada mais desagradável do que descobrir que você tem uma dívida em aberto que não foi feita por você, certo? Crie o hábito de acessar periodicamente o Cadastro Pré e vigie o seu CPF. Dessa forma você evitará muitas surpresas indesejadas.

Este texto te ajudou? Então aproveite e envie para seus familiares e amigos, para que assim eles também possam estar atentos e descobrir rapidamente se o CPF está sendo utilizado de maneira inapropriada.

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Como descobrir a senha do Wifi que estou conectado?

como descobrir a senha do wifi que estou conectado

Se você já manteve um dispositivo muito tempo conectado automaticamente ao Wi-Fi, pode ter esquecido a senha de conexão à rede. Por isso, a dúvida de  sobre como descobrir a senha do Wifi que estou conectado pode passar pela sua cabeça. 

Para isso, você poderá contar com algumas formas de descobrir a senha do Wi-Fi, usando o celular, computador e até aplicativos para a rede que está há algum tempo conectada, já que o próprio celular não permite acessar de forma direta a senha de uma rede Wi-Fi conectada no aparelho. 

Porém, como ao conectar-se à internet sem fio o smartphone passa a ter acesso ao roteador de onde vem o sinal original, abre caminho para desvendar o código de acesso à rede de outras maneiras.

Nesse post, reunimos todos os detalhes o e passo a passo para que você possa seguir e descobrir essa informação! Mas é importante lembrar que para descobrir a senha do Wifi usando smartphones, você precisa ter o login e a senha do roteador em mãos.

Leia também: Procurando internet residencial barata? Veja 5 planos ideais

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

Como descobrir a senha do wifi que estou conectado: é possível!

Os sistemas operacionais de qualquer dispositivo costumam gravar automaticamente as senhas das redes já conectadas. 

Para descobrir a senha do Wifi em que seu aparelho está conectado, tanto  em dispositivos Android como iOS, você vai passar por um processo um pouco complexo. Porém, é possível, já que esses aparelhos possuem uma porta de entrada para o modem ou roteador.

Dessa forma, ao entender o caminho, é possível descobrir a senha do wifi no meio de outras informações sobre a rede. O celular tem acesso ao sinal do roteador, que possui o código de acesso, e essa seria a primeira maneira para descobrir a senha do wifi. Vamos detalhar abaixo. Acompanhe!

Descubra a senha do Wi-Fi pelo celular 

Você pode acompanhar o passo a passo para descobrir a senha do Wifi que está conectado para iOS e Android. O passo a passo está separado em duas partes – uma em que o processo difere entre os sistemas operacionais e outra que deve ser feita nos dois. Confira:

iOS 

  • Vá em “Ajustes”; 
  • Entre em “Wi-Fi”;
  • Toque na rede em que está conectado e procure pela opção “Roteador”.

Android

  • Entre em “Configurações”;
  • Em seguida, acesse “Conexões”;
  • Então, toque em “Wi-Fi” e, na sequência, clique na engrenagem ao lado da rede que está conectada. Procure por uma dessas opções (que dependem do modelo de seu aparelho): “Gateway”, “Roteador” ou “Gerenciar Roteador”. A informação pode aparecer assim que abrir as configurações da rede conectada.

Feito isso, tanto com Android como iOS, você deve seguir para o próximo passo:

  • No navegador, digite o endereço IP do roteador;
  • Entre com o login e senha do roteador. Essas informações podem ser encontradas em uma etiqueta no próprio aparelho ou nos manuais;
  • Por padrão, as informações sobre as redes Wi-Fi estão no menu “Sem Fio” ou “Wireless”, que podem estar em um submenu chamado “Segurança”;
  • Essa parte depende do modelo do roteador;
  • Procure pela opção “Senha” e toque no link para exibir os caracteres.

Descobrir a senha do Wi-Fi pelo computador

É possível descobrir a senha do Wifi que está usando pelo computador. Basta seguir o passo a passo:

  • Clique com o botão direito no ícone de conexões, no canto direito da Barra de Tarefas, e depois em em Configurações de Rede e Internet;
  • Vá em Central de Rede e Compartilhamento;
  • Toque em Alterar as configurações do adaptador, no menu do lado esquerdo da janela;
  • Na nova janela, localize a rede Wi-Fi que você deseja saber a senha, clique com o botão direito e depois, em Status;
  • Clique no botão Propriedades da Conexão Sem Fio;
  • Na aba Segurança, marque a caixa Mostrar caracteres.

Importante: a depender da versão do Windows 10, ao clicar com o botão direito no ícone de conexão o sistema oferecerá direto a opção Central de Rede e Compartilhamento.

Assim, basta seguir o passo a passo a partir do item 2. O procedimento é o mesmo para versões anteriores do sistema operacional.

MacOS

  • No macOS, clique na ferramenta de busca na Barra de Menus (ou aperte a combinação de teclas Command + Espaço; num teclado não-Apple, Tecla Windows + Espaço) e digite “chaves”;
  • Clique duas vezes no app Acesso às Chaves;
  • Encontre na lista de chaves a rede Wi-Fi que você deseja saber a senha, e clique duas vezes nela;
  • Marque a caixa Mostrar senha, e entre com seu login e senha do sistema (o macOS pode pedir as credenciais mais de uma vez).

Linux

Para o Linux, o processo para descobrir a senha do Wi-Fi em que está conectado pode variar dependendo da distribuição utilizada. Por isso, utilizamos uma das versões mais populares do Linux, o Ubuntu. Porém, o método apresentado, no geral, possui diferenças mínimas. 

  • Clique no ícone de conexão na Barra de Menus e depois, em Editar conexões;
  • Toque duas vezes na rede Wi-Fi salva a ser descoberta;
  • Vá até a aba Segurança Wi-Fi e marque a caixa Mostrar senha (o sistema pode pedir seu login e senha do sistema).

Guarde suas senhas com segurança

Se você não quer mais esquecer a senha da sua rede Wi-Fi novamente é possível armazená-las em aplicativos capazes de coletá-las e arquivá-las conforme sua utilização.

Um app sugerido para esse armazenamento é o LastPass (iOS, Android, web), que funciona como um cofre virtual de senhas.

Contar com um caderninho pode ser uma dica válida, porém, é sempre bom manter uma cópia das senhas em um local seguro, além de guardar uma versão em arquivo em seus dispositivos, para tê-las sempre à sua disposição, sem passar por situações mais complicadas.

Leia também: Veja quais são os melhores aparelhos de Booster Wi-Fi

Utilize apps próprios para o procedimento

Com a procura pelos usuários por formas mais simples de desvendar a senha do Wifi, alguns desenvolvedores de software criaram aplicativos próprios para isso. Dessa forma, você pode acessar a Play Store e fazer a instalação antes de usá-los. 

Instabridge

O Instabridge é um dos mais conhecidos. É um aplicativo comunitário, em que qualquer pessoa ou estabelecimento pode inserir informações sobre uma rede wifi e até as senhas de forma legalizada. No aplicativo é possível descobrir a senha do wifi de uma loja ou restaurante, comércio, prefeitura ou outra instituição já cadastrada, por exemplo.

Uma curiosidade legal do aplicativo é que oferece acesso a um mapa interativo que mostra os pontos de wifi que estão à sua volta. Além disso, é possível acessar detalhes sobre esses pontos, como velocidade e disponibilidade da rede, por exemplo. 

Por ser um aplicativo utilizado no mundo todo, há milhares de pontos registrados com sinal de rede sem fio.

Outras quatro opções de app para descobrir senha Wifi

Listamos outras quatro alternativas de aplicativos para ajudar você na hora de descobrir a senha do wifi pelo seu celular. Você pode procurá-los no mecanismo de busca da App Store (iOS) ou Google Play (Android):

  • WiFi Map;
  • WiFi Analyser;
  • Osmino WiFi;
  • Wifi Password Recovery.

Leia também: Claro TV Livre: tudo sobre os planos de TV pré-pagos

QUER O MELHOR PARA SEU CELULAR? ENTÃO, CONFIRA AS OFERTAS DA TIM! 

E aí, respondemos sua dúvida?

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Como ter dois Whatsapp no mesmo celular? Veja as opções!

como ter dois whatsapp no mesmo celular

Muita gente precisa fazer o atendimento de clientes via WhatsApp ou divide a vida pessoal e profissional no mesmo aplicativo. Porém, isso pode gerar conflito entre assuntos pessoais e trabalho. Por essa razão, muitas pessoas se perguntam como ter dois Whatsapp no mesmo celular, o que pode facilitar muito a vida.

Apesar de muitos smartphones possuírem espaço para dois chips, nem sempre é possível instalar duas contas do WhatsApp no mesmo aparelho. Porém, a boa notícia para quem quer fazer essa separação da vida profissional da pessoal é que existem outras formas de ter duas contas do mensageiro no mesmo dispositivo Android. 

O próprio aplicativo do WhatsApp, por padrão, não permite a criação e utilização de mais de uma conta no mesmo smartphone. Nesse post mostraremos algumas maneiras de driblar esta regra. 

Antes de escolher qual passo a passo vai seguir, sugerimos que cheque se o seu backup de conversas está em dia no aplicativo. Dessa forma, não corre o risco de perder nenhum dado durante as transições.

Leia também: Veja como recuperar conversas do Whatsapp em outro celular

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

Como ter duas contas de WhatsApp no mesmo celular

É possível configurar dois perfis de WhatsApp adquirindo duas versões do app. Assim, você pode ligar com seus dois números de telefone, separando, por exemplo, um usuário pessoal e outro para trabalho, na versão Business. 

A configuração das duas contas do WhatsApp é simples. Mas vale lembrar que o processo só é válido para smartphones Android. Até o momento não é possível fazer algo do tipo no iPhone, mesmo usando o WhatsApp Business. Uma tentativa para iOS é trabalhar com e-SIM ou usar um telefone fixo.

Como fazer o backup do Whatsapp

Abaixo, deixamos o passo a passo para realizar o backup do seu WhatsApp:

  • Abra o WhatsApp e, no canto superior direito, toque no ícone ao lado da lupa. Depois, acesse “Conversas > Backup de conversas”;
  • Certifique-se também de que o backup do aparelho está ativado;
  • Caso não esteja, vá até o menu “Configurações” do smartphone, em seguida toque em “Contas e backup” > “Fazer backup e restaurar”;
  • Verifique se há um e-mail atrelado à opção “Conta de Backup”;
  • Caso não, adicione;
  • Por fim, vale ativar a “Restaurar automaticamente”. Esta opção permitirá que o usuário restaure as configurações e dados de backup caso um aplicativo for reinstalado. 

Leia também: Como desativar o WhatsApp? Veja duas formas de deixar o app offline

WhatsApp e WhatsApp Business (usando dois chips)

Para que você tenha duas contas do WhatsApp no celular, pode optar pelo download do WhatsApp Business. 

Basicamente, é a versão corporativa do aplicativo e tem algumas diferenças em relação ao mensageiro padrão. É uma ótima opção para quem quer separar a vida pessoal da profissional no mesmo aparelho, podendo organizar tudo num só lugar, sem misturar os assuntos.

Para que as duas contas funcionem corretamente, você precisa utilizar números de telefone diferentes. Ou seja, é preciso ter dois chips no celular. 

Caso você não tenha um celular dual chip, não tem problema. Existe uma solução mais simples, que possibilita ao usuário adicionar um número de telefone fixo ao WhatsApp Business. Para isso, você deve selecionar “me ligue” ao invés de “enviar SMS” na hora de confirmar o número de telefone. 

WhatsApp duplicado 

Uma outra maneira de ter duas contas do WhatsApp no mesmo celular é quando o usuário duplica o aplicativo. Dessa forma, ficará disponível para criar duas contas separadas. 

Alguns fabricantes possuem formas nativas de duplicar o WhatsApp, o que facilita a operação e, nesse caso, é preciso ter dois chips no celular.

Para fazer isso com um aparelho da Samsung, por exemplo, você precisa:

  • Acessar as configurações do dispositivo e clicar em “recursos avançados”;
  • Depois, vá até “dual messenger” e selecione o WhatsApp;
  • Você verá uma tela perguntando se o usuário deseja instalar o aplicativo secundário do WhatsApp; 
  • Depois de clicar em “instalar”, um novo app estará disponível para acessar o mensageiro através de outra conta. 

Abaixo você pode ver outros fabricantes que possuem recursos similares, mas com nomes diferentes. Veja como encontrar:

  • Xiaomi: Configurações > Dual Apps;
  • Asus: Configurações > Twin apps;
  • Huawei e Honor: Configurações  > App Twin.

Leia também: Chatbot para WhatsApp: uma ferramenta simples e poderosa

WhatsApp duplicado usando aplicativos

Se você não quer ou não precisa utilizar o WhatsApp Business, e também não conta com o recurso de duplicação de aplicativos de forma nativa no celular, tem a opção de baixar um aplicativo que realiza a operação. 

É importante ressaltar que essa não é uma opção oficial oferecida pelo WhatsApp ou pelas fabricantes. Independente de fazer a utilização de aplicativos, a opção só funciona em celulares com dois chips. 

Parallel Space 

O aplicativo serve para duplicar diversas aplicações, uma delas é o WhatsApp. Depois de realizar a cópia é preciso se cadastrar no novo WhatsApp, mantendo a conta no antigo. Também dá para deixar os ícones das duas contas do mensageiro disponíveis na tela principal do celular.

Com aplicativos como o Parallel Space, você pode ter mais de um app do mesmo tipo instalado e isso não se resume ao WhatsApp. Logo que você abre, encontra uma série de redes sociais e mensageiros compatíveis com a manobra para gerenciar mais de uma conta.

O aplicativo poder ser útil em jogos, ou caso você administre conta dos seus filhos, amigos e parentes ou do seu negócio/trabalho.

Passo a passo para utilizar o Parallel Space:

  • Instale o aplicativo Parallel Space, disponível no Google Play;
  • Toque em Adicionar Apps;
  • Selecione os aplicativos que deseja clonar para usar mais de uma conta.
  • Aqui, vamos fazer isso apenas com o WhatsApp;
  • Toque em Adicionar ao Parallel Space;
  • Abra o WhatsApp pelo Parallel Space, no ícone que foi adicionado;
  • Basta tocar em Concordar e Continuar para configurar o novo WhatsApp;

Como configurar o WhatsApp no Parallel Space:

  • Entre com o seu número, confirme o SMS e siga com os passos normalmente;
  • Faça como se você estivesse configurando novamente o aplicativo;
  • Para acessar facilmente o aplicativo, toque e segure no ícone do WhatsApp no Parallel Space;
  • Mova-o para uma nova posição na tela até Criar Atalho;
  • Pronto! O WhatsApp ficará disponível na tela inicial do seu celular;
  • Você também poderá abri-lo entrando novamente no aplicativo do Parallel Space.

O funcionamento do aplicativo é simples: ele basicamente “clona” o próprio WhatsApp, criando um aplicativo secundário para você usar, sem apagar os dados do anterior. 

2Accounts

Uma outra opção é usar o aplicativo o 2Accounts, também no Android. 2Accounts também é um app para você usar duas contas para o mesmo app, a partir do mesmo dispositivo, sem precisar entrar e sair repetidamente.

Ou seja, você pode ter duas contas do Facebook ou Whatsapp abertas ao mesmo tempo e alternar entre elas rapidamente. A interface do 2Accounts é de simples navegação, tornando o app fácil de usar. 

Para o passo a passo:

  • Basta selecionar os apps que você quer adicionar a sua lista de apps ‘duplos’;
  • Acesse-os através do 2Accounts;
  • Feito isso, o app duplo fica aberto e você pode acessá-lo conforme é habitual.

Uma das vantagens do aplicativo é que ocupa pouco espaço e usa poucos recursos para ser utilizado. Além disso, você pode usar o app em basicamente qualquer Android e inclusive ter vários apps duplicados abertos ao mesmo tempo sem qualquer problema.

Se você possui múltiplas contas para suas redes sociais, por exemplo, e quer gerenciar todas de forma rápida, o 2Accounts é uma boa opção.

Leia também: Confira o que é e como funciona o Whatsapp gb em detalhes

QUER O MELHOR PARA SEU CELULAR? ENTÃO, CONFIRA AS OFERTAS DA TIM! 

E aí, tiramos sua dúvida de como ter dois WhatsApp no mesmo celular?

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Como bloquear iPhone roubado em 3 passos rápidos!

Como bloquear iPhone roubado

Antes de mais nada, precisamos dizer que o iPhone é um dos celulares mais visados por pessoas que praticam roubo ou furto de aparelhos de telefone. Por isso, é importante que você saiba como bloquear o iPhone roubado para se proteger de forma adequada nessa situação incômoda.

Para você ter uma ideia, somente no estado de São Paulo, mais de 300 mil aparelhos de telefone celular foram roubados ou furtados em 2020. Ou seja, são 34 celulares levados por hora. Por isso, é muito importante que você saiba como bloquear iPhone roubado de forma rápida para evitar complicações com os seus dados.

Por isso, se você teve seu iPhone roubado ou perdido, o primeiro passo é não se desesperar. A Apple possui diversas formas de garantir a segurança dos usuários do iPhone, apesar de que os bandidos estão cada vez mais criativos para conseguirem acesso aos aparelhos de celular, até se passando por atendentes da Apple.

Então, continue lendo este artigo até o final e saiba com se proteger desse crime e não ter seus dados pessoais e aparelho de telefone usados por ladrões ou receptadores.

Leia também: Descubra o melhor plano de TV, internet de celular no Compara Plano

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

Veja como bloquear o iPhone roubado pelo iCloud

Em princípio, a Apple é uma das empresas que mais oferecem segurança contra perda ou roubo de seus produtos para os consumidores. Uma prova disso é o Apple ID. De maneira simples, esse recurso guarda as informações do cliente e permite o acesso aos serviços da empresa, como App Store, iTunes Store, iCloud, iMessage, FaceTime, entre outros.

Sendo assim, uma das formas de você conseguir bloquear um iPhone roubado é por meio da sua conta de usuário no iCloud.

Passo a passo ara localizar o seu iPhone roubado

  1. A partir de um computador ou notebook, acesse https://www.icloud.com/find;
  2. Faça login com o seu e-mail e senha do ID Apple;
  3. Feito isso, a localização do seu dispositivo deve aparecer na tela. Caso a localização não aparecer, é provável que seu iPhone esteja desligado ou sem acesso à rede. Faça uma nova tentativa em outro momento;
  4. Quando seu iPhone for localizado, deverá aparecer na tela o nome do seu aparelho e a sua localização em tempo real;
  5. Para ter mais informações, basta clicar no ícone (i) que aparecerá ao lado do nome do seu iPhone.

Então, agora que você conseguiu localizar seu aparelho, para bloquear seu iPhone você terá duas opções: modo perdido ou apagar iPhone.

  • Modo perdido: este recurso bloqueia o iPhone e rastreia sua localização, indicando um histórico de 24 horas por onde o seu aparelho iPhone passou. Além disso, também é possível colocar uma mensagem na tela de bloqueio, em caso de o celular ter sido apenas perdido, para quem encontra-lo conseguir ver e ajudar a resgatá-lo;
  • Apagar iPhone: ao clicar nesta opção você irá apagar todo o conteúdo do dispositivo. Depois de apagá-lo, ele não poderá ser mais encontrado. Portanto, essa opção só deve ser usada se você não tem mais esperanças de recuperar o seu iPhone.

De qualquer maneira, em qualquer uma das duas opções você irá bloquear o seu iPhone no iCloud e ele não poderá ser usado devido ao bloqueio de ativação.

Entretanto, quando encontrado novamente, basta colocar seu login e senha do ID Apple para recuperar os dados e voltar a usar seu iPhone normalmente.

Leia também: Como transferir dados do iPhone

Como bloquear iPhone roubado usando o IMEI

Inicialmente, poderíamos dizer que o IMEI é uma espécie de numero de identidade do seu aparelho iPhone. Sendo assim, ele é um número muito importante de se ter em mãos caso seu aparelho de celular seja roubado e você queira bloqueá-lo para que ninguém consiga usar ou acessar informações pessoais importantes.

Então, se você é uma dessas pessoas que não dão importância ao IMEI e agora precisa dele para bloquear seu iPhone, fique tranquilo que tem maneiras bem simples de obter esse número.

Ademais, o número do IMEI do seu iPhone está registrado na embalagem, no próprio aparelho (na traseira), ou no seu iCloud.

Porém, em situações de perda ou roubo, ou em casos em que você não tem mais a embalagem original do produto, você não terá essas informações, restando o acesso a sua conta do iCloud para obter esse número.

Para isso, basta seguir os seguintes passos:

  1. Abra o navegador em um computador e acesse apple.com;
  2. Inicie sessão com o ID Apple que você usa no dispositivo;
  3. Role a tela para baixo até a seção Dispositivos;
  4. Selecione o ícone do dispositivo e lá você encontrará o número IMEI.

Em seguida, com os números do IMEI em mãos, basta ligar para sua operadora e solicitar o bloqueio do seu iPhone.

Veja os números para solicitar o bloqueio do aparelho com o IMEI

  • Claro: 1052;
  • Oi: 1057 ou *144;
  • TIM: 1056 ou *144;
  • Vivo: 1058 ou *8486;
  • Nextel: 1050 ou (11) 4004–6611.

Além disso, caso você tenha sido vítima de roubo (quando ocorre ameaça, agressão ou violência para o crime), é importante fazer um boletim de ocorrência na delegacia.

Dessa forma, as autoridades policiais podem mapear a área e tomar ações preventivas, além de localizar os suspeitos e o próprio aparelho.

Como bloquear iPhone roubado usando o chip

De forma geral, pouca gente sabe que os chips dos aparelhos de celulares trazem um recurso de segurança muito útil – o PIN, que pode ser usado para bloquear o chip do iPhone em caso de desligamento do aparelho ou tentativa de retirada do cartão SIM.

Em outras palavras, ao ativar esse recurso no seu iPhone, sempre que o seu aparelho for reiniciado ou o chip for removido da bandeja, será necessário digitar esse PIN para fazer ligações ou usar os dados celular.

Ou seja, essa é uma medida preventiva. Para usar este recurso, siga os seguintes passos:

  1. No seu iPhone, abra os Ajustes e acesse a área Celular » PIN do SIM;
  2. Em seguida, ative a opção PIN do SIN;
  3. O aparelho irá solicitar que você digite o PIN atual. Caso nunca tenha feito a alteração, basta informar o número padrão do SIN da sua operadora;
  4. Com o número SIN padrão em mãos, basta informá-lo e ativar a função;
  5. Se quiser, você pode alterar o código para uma sequência que se lembre com mais facilidade — basta acessar a opção “Alterar PIN”.

Veja os números de PIN padrão de acordo com a sua operadora

  • Vivo: 8486
  • Claro: 3636
  • TIM: 1010
  • Oi: 8888

Entretanto, se mesmo tomando todos esses cuidados o seu dispositivo foi roubado, fique tranquilo. Você pode bloquear o seu iPhone roubado apenas com o seu número de telefone.

Sendo assim, basta que você ligue para a sua operadora e informe sobre o roubo. Durante o atendimento, alguns dados pessoais serão solicitados, como nome, endereço e número da linha para bloquear o seu iPhone roubado.

Além disso, é muito importante que sempre que alguém lhe oferecer um iPhone para comprar, você se certifique de que não se trata de um aparelho fruto de furto ou roubo.

Assim, você não corre o risco de cometer o crime de recepção e não alimenta essa prática que, como vimos, afeta milhares de brasileiros todos os anos.

Então, sempre que quiser saber se um aparelho está bloqueado por perda, furto ou roubo, uma dica é entrar no site Consulta IMEI e verifique o status do telefone.

Por fim, esperamos que você tenha entendido como bloquear seu iPhone roubado. Acompanhe nosso blog para ter mais conteúdos como esse. Até a próxima!

CONFIRA OS MELHORES PLANOS DA TIM PARA O SEU CELULAR

Como recuperar conta do Google? Conheça soluções rápidas!

recuperar conta google

Ao criar uma conta Google, é importante mantê-la segura, já que ela poderá ser usada para diversos serviços, como acesso ao Gmail, login em aparelhos Android, YouTube, Google Drive, Agenda ou Fotos. Porém, caso você tenha esquecido sua senha ou perdido o acesso, saiba que é possível recuperar a conta Google.  

Isso é possível ao fazer o processo de recuperação de senha do Gmail, redefinindo-a. Mas isso só é possível caso você saiba algumas informações usadas para fazer o login.

Em alguns casos, também é possível recuperar a conta Google de outro celular Android. Neste caso, o recurso permite que o usuário volte a ter acesso aos serviços oferecidos pela empresa em outro smartphone sem perder nenhum arquivo. Pode ser útil em caso de roubo ou perda do celular

Para fazer o processo, o usuário precisa desconectar a conta do Google do aparelho antigo, e pode até ser recomendado mudar o número de recuperação e trocar a senha antes de cadastrar o login em um novo smartphone. Mas vamos dar mais detalhes adiante, é só seguir neste post!

Leia também: Saiba como recuperar os contatos perdidos do celular

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

Esqueci a senha do Gmail, e agora?

Caso você tenha esquecido a senha do Gmail, pode optar por dois caminhos:

  • Recuperar a conta Google ou seu serviço do Gmail respondendo algumas perguntas para confirmar que a conta é realmente sua;
  • Ou redefinir sua senha completamente. Lembre-se de escolher uma senha forte e que ainda não tenha sido usada com sua conta.

Veja como recuperar conta Google

Para começar o processo a seguir, você precisa lembrar, pelo menos, do seu e-mail completo.

  • Comece acessando o link: accounts.google.com/signin/recovery;
  • Em seguida, digite o endereço de e-mail da sua conta do Gmail ou o número de telefone associado a ela;
  • Insira a última senha que você se lembra da conta;
  • Caso não lembre, clique em Tentar de outro jeito;
  • Independente da opção, um e-mail poderá ser enviado para o endereço que você definiu como recuperação ou será solicitada confirmação de acesso no seu smartphone em que a conta Google está conectada no momento;
  • Caso o processo não funcione, sugerimos que clique em Tentar de outro jeito (novamente) e coloque o seu número de telefone para receber um código de verificação;

Se mesmo depois de tentar da forma que instruímos a recuperação ainda não estiver funcionando, você pode tentar clicar em “Não estou com meu smartphone”. Assim, em algum momento o Google pedirá a confirmação do número de telefone fornecido nas suas configurações de segurança.

Quando isso acontecer, serão feitas perguntas de segurança como “Qual a sua cantora favorita?”. Responda corretamente, conforme cadastrou.

Se você tentou todas as opções e nenhuma delas funcionou, pode ser que o Google envie o código de segurança para o seu próprio endereço de e-mail caso você possa acessá-lo em um smartphone. O envio, de acordo com o Google, pode demorar de 48 a 72 horas.

Leia também: Como desativar Google Assistente? Descubra aqui

Como desconectar a conta do Google de outro celular

Para desconectar sua conta Google de outro celular, siga os passos a seguir:

  • Abra um navegador e acesse o endereço (myaccount.google.com) pelo seu computador;
  • Em seguida, clique em “Fazer login” no canto superior direito da tela;
  • Depois de entrar na sua conta, no canto esquerdo da tela, toque em “Segurança”.
  • Na sequência, role a página até achar “Seus dispositivos”. 
  • Em seguida, pressione “Gerenciar dispositivos”;
  • Escolha qual celular você deseja remover da conta; 
  • Depois, toque nos três pontinhos verticais localizados acima do aparelho e finalize; 
  • Para finalizar, toque em “Sair”.

Como mudar o numero de recuperação na conta Google

Se o seu celular foi roubado ou perdido e você não tiver mais acesso ao seu antigo número, você precisa mudar o número de recuperação da conta do Google. Para isso, basta seguir o seguinte passo a passo:

  • Abra um navegador e acesse o endereço (myaccount.google.com) pelo seu computador;
  • No painel de navegação à esquerda, toque em “Segurança”;
  • Na página, procure por “Telefone de recuperação” e toque novamente;
  • Depois, toque no ícone do lápis;
  • Digite o número desejado e clique em “Atualizar”.

Como trocar a senha da conta Google

Em caso de perda ou roubo do seu celular, para manter a segurança dos seus dados, o Google recomenda alterar a senha da conta. Siga o passo a passo:

  • No painel de navegação, toque em “Segurança”. 
  • Em “Como fazer login no Google”, selecione “Senha”;
  • Coloque sua senha atual para confirmar que a alteração realmente está sendo feita por você;
  • Digite a nova senha e toque em “Alterar senha” para confirmar a mudança.

De certo, uma das alternativas de recuperação deverá funcionar para que você recupere sua conta. E para garantir que você não perca o acesso novamente, lembre-se de configurar um e-mail de recuperação e adicionar um número de telefone.

Dicas importantes para recuperação da conta 

  • Procure responder o maior número possível de perguntas nesta etapa da recuperação. Mesmo que não tenha certeza sobre a resposta, procure dar seu melhor palpite em vez de pular para outra pergunta. Se souber a resposta, mas não conseguiu recuperar a conta na primeira tentativa, tente usar uma variação. Por exemplo, tente “SC” em vez de “Santa Catarina”;
  • Se possível, tente usar um dispositivo e local conhecidos, como um computador, smartphone ou tablet em que você faz login com frequência;
  • Busque usar o mesmo navegador (como o Chrome ou Safari) que você já costuma usar para acessar sua conta;
  • Procure ir até um local onde geralmente faz login, como em casa ou no trabalho;
  • Lembre da importância da exatidão de senhas e respostas a perguntas de segurança (atente-se aos detalhes, que são importantes). Para isso, evite erros de digitação e preste atenção à diferenciação de letras maiúsculas e minúsculas;
  • Caso durante o processo seja solicitado que você forneça a última senha que se lembra, digite a senha mais recente que se lembrar.

Leia também: Google Translate: tudo o que você precisa saber sobre a ferramenta

Como cadastrar a conta Google no celular novo

Você pode cadastrar a conta do Google em um novo smartphone para importar seus dados salvos na nuvem. O usuário, ao ligar um telefone pela primeira vez, pode escolher resgatar os dados de um smartphone de qualquer fabricante, incluindo o iPhone (iOS) da Apple. 

O recurso ainda salva configurações como papel de parede e plano de fundo, dispensando backups complicados na hora da mudança de celular, o que facilita bastante a migração.

Siga as instruções abaixo (Android):

  • Ligue o novo smartphone;
  • Na primeira tela, toque na seta ao lado de “English” para mudar o idioma, selecione a opção “Português”;
  • Na nova caixa de diálogo, selecione “Brasil” para definir o idioma com o português do país;
  • Em seguida pressione o botão “Vamos lá”.
  • Ao chegar na tela de “Bem-vindo”, toque na opção “Copiar seus dados”. 
  • Na sequência, o Android vai solicitar que você se conecte a uma rede Wi-Fi. Selecione a rede que desejar.
  • Insira a senha da sua rede Wi-Fi e pressione “Conectar”. 
  • Nesta etapa, dependendo do fabricante, pode existir passos extras, onde é necessário apertar “Aceitar e Continuar” para dar sequência às definições.

Obs: Se você estiver utilizando um iPhone, é possível resgatar apps de um iPhone ou a partir de um backup na nuvem.

  • Aqui, ao escolher a primeira opção, é necessário inserir seu e-mail do Google e, então, pressione “Próxima”. Após inserir a senha, toque novamente em “Próxima” e, depois, em “Concordo”.
  • Toque sobre o dispositivo do qual você quer resgatar os apps e dados. 
  • Na sequência, toque sobre a seta ao lado de “Restaurar todos os apps” caso queira escolher quais serão transferidos.
  • Dê um check em todos os apps que você quer transferir para o novo celular e desmarque os que não quiser. 
  • Clique em “Restaurar” e aguarde alguns segundos. Em seguida o Google oferecerá alguns serviços, que poderão ser recusados. Pressione “Próximo” para seguir com as configurações.

Obs: Caso seu novo celular rode o Android 7 ou superior, o sistema vai sugerir que você configure a Google Assistente;

  • Toque em “Não, obrigado” para pular esta etapa. Finalize em “Tudo pronto”.

Pronto! Perceba que seu papel de parede e descanso de tela já estão no seu novo Android. Lembre-se de aguardar até que todos os outros arquivos e apps sejam baixados.

Como recuperar a conta Google excluída

Se você excluiu sua conta Google por engano, e faz pouco tempo, talvez consiga efetuar a recuperação! Acesse este link e siga o passo a passo!

Leia também: Veja como recuperar conversas do Whatsapp em outro celular

QUER O MELHOR PARA SEU CELULAR? ENTÃO, CONFIRA AS OFERTAS DA TIM! 

E aí, tiramos a dúvida se como recuperar conta Google?

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Confira 7 jogos grátis na Steam para aproveitar em 2021!

Jogos grátis Steam

Antes de mais nada, se você é um amante de games e está procurando as melhores opções de jogos grátis na Steam para se divertir, veio ao lugar certo. Neste post, vamos dar uma lista de 7 jogos grátis na plataforma de streaming de games para você se divertir sem gastar dinheiro.

Sabemos que a plataforma de jogos na Steam cresce de forma bastante sólida e se tornou o destino perfeito para jogar, criar jogos e conversar sobre games.

Então, além dos jogos grátis na Steam, você também encontra outras milhares de opções de games – de grandes produções até pequenos desenvolvedores independentes, com promoções exclusivas, atualizações automáticas e outros grandes privilégios.

Inicialmente, com uma busca rápida, há pelo menos 48 opções de jogos grátis na Steam disponíveis. Por isso, escolhemos os os 7 melhores  segundo a avaliação dos próprios jogadores.

Vale a pena conferir!

Leia também: Descubra o melhor plano de TV, internet de celular no Compara Plano

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

Steam: prova do crescimento do mercado de games

A plataforma Steam é uma prova de que o brasileiro está cada vez mais interessado em consumir jogos. De acordo com uma pesquisa da NPD Group, 82% dos jovens e adultos jogam videogames no país.

Além disso, o mercado de jogos eletrônicos no país movimenta US$ 1,5 bilhão por ano no Brasil. O número mais do que dobrou em relação à década anterior.

Ademais, o mercado de jogos no país deverá crescer 5,3% até 2022. Apenas com jogos para celulares, as receitas do segmento subirão de US$ 324 milhões para US$ 878 milhões nos próximos três anos.

Dito isso, segue abaixo a nossa lista de sete indicações de jogos grátis na Steam, para se divertir sem tirar um real do bolso.

Leia também: Steam Sale: entenda as promoções da Valve

1 – Apex Legends™

Inicialmente, este é um jogo para quem gosta de ação. Desenvolvido pela
Respawn Entertainment e distribuído pela Electronic Arts, Apex Legends™ é um jogo de tiros no estilo Battle Royale.

Lançado em novembro de 2020, o jogo conta com personagens lendários, detentores de habilidades poderosas que se unem para lutar por fama e fortuna nas orlas da fronteira.

Então, ao dominar um elenco diverso de lendas, com jogabilidade tática de equipe e inovações ousadas, o nível da experiência de Battle Royale fica ainda melhor: tudo dentro de um mundo inóspito onde vale tudo.

Por isso o jogo tem muitas avaliações positivas e recebeu mais de 50 indicações de diversos prêmios do setor de games.

Confira tudo sobre o jogo Apex Legends™ na Steam aqui.

2 – GWENT: The Witcher Card Game

Em seguida, temos essa excelente opção de jogo grátis na Steam para quem gosta do universo de The Witcher e cartas ao mesmo tempo. Por isso, não deixe de curtir essa dica.

Inicialmente, este jogo mistura os gêneros CCG e TCG, colocando você em duelos PvP on-line acelerados que combinam blefes, decisões em tempo real e construção de baralhos minuciosas.

Então, no GWENT: The Witcher Card Game você pode colecionar e comandar Geralt, Yennefer e outros heróis icônicos do mundo de The Witcher.

Além disso, você poderá criar um arsenal colecionável de habilidades e magias especiais que mudam o equilíbrio do jogo drasticamente, usando trapaças e truques em sua estratégia para vencer nos modos clássico, de temporada e arena.

Sendo assim, confira uma ótima lista que preparamos com os melhores jogos baseados em séries de TV que você não pode perder. Clique aqui e saiba mais.

3 – Albion Online

Antes de mais nada, esse é um jogo para quem gosta de RPG raiz. Dessa forma, Albion Online é um MMORPG de mundo aberto com uma economia baseada nos jogadores, com um sistema de combate sem classes e intensas batalhas PvP.

Por isso, você vai explorar um vasto mundo aberto, cheio de perigos e oportunidades. Sendo assim, aumente sua riqueza, forje alianças e deixe sua marca no mundo de Albion.

Ademais, de todos os jogos grátis do Steam, este é o ideal para jogar com a galera. De ferramentas e roupas básicas a armaduras e armas poderosas, quase todos os itens do jogo são criados por jogadores.

Além disso, os edifícios são construídos por jogadores a partir de recursos coletados. Então, compre, venda e negocie com outros jogadores em mercados locais em todo o mundo de Albion.

Assim, você irá criar itens raros e poderosos, depois, você poderá vendê-los pelo maior lance e aumentar a sua fortuna!

Leia também: Jogos leves para PC: conheça 7 opções

4 – Counter-Strike: Global Offensive

Precisamos dizer que não poderíamos fazer uma lista de melhores jogos grátis na Steam sem citar o Counter-Strike. Inclusive, podemos dizer sem medo de errar de que o Counter-Strike: Global Offensive é um dos melhores jogos de tiros de todos os tempos.

Sendo assim, esta versão do jogo expandirá na jogabilidade de ação baseada em equipes na qual foi pioneiro quando foi lançado há 12 anos. Então, o Counter-Strike: Global Offensive contém novos mapas, personagens e armas, além de versões atualizadas de conteúdo do CS clássico (como de_dust2).

Além disso, há a introdução de novos modos de jogo, a criação de partidas (matchmaking), placares de líderes e muito mais. Por isso, se você ainda não conhece este jogo incrível, não perca mais tempo e comece a jogar agora mesmo.

Leia também: Jogos de PS5: veja os lançamentos que estão chegando

5 – Ring of Elysium

Em princípio, esse é um jogo para quem ama batalhas e possui um computador mais avançado, com boa capacidade de memória e processamento de vídeos.

Então, se você gosta de cenários pós-apocalípticos, com grandes desafios para sobreviver às dificuldades, e gráficos extremamente realistas, com fugas espetaculares em helicópteros e uma equipe de 60 homens, este é o jogo grátis Steam ideal para você.

 

6 – War Thunder

Nosso próximo jogo grátis Steam da lista é feito para os amantes de cenários de guerras e jogos militares e muita ação. Então, War Thunder é um MMO de combate, dedicado a veículos militares dos períodos da 2ª Guerra Mundial e Guerra da Coreia.

Dessa forma, você irá lutar em grandes batalhas no ar, terra e mar, com jogadores internacionais num ambiente sempre em desenvolvimento. Em síntese, no War Thunder, aeronaves, forças terrestres e navios lutam juntos em batalhas realísticas e competitivas.

Além disso, você pode escolher entre cerca de 1.700 unidades e uma extensa variedade de situações de combate, muitas das quais exclusivas.

Então, você pode abater quem o persegue com as torres de um bombardeiro, ou defender os colegas de equipe, além de abater aeronaves inimigas com salvas de foguetes (rockets), ou até mesmo tentar afundar um navio de guerra com disparos de torpedos de uma lancha de ataque.

7 – Neverwinter

Finalmente, fechamos nossa lista de sete jogos grátis na Steam para aproveitar em 2021 com um jogo de MMORPG de ação baseado no aclamado RPG de fantasia Dungeons & Dragons.

Por isso, neste jogo grátis Steam você terá histórias épicas, combates de ação e um RPG clássico que o levará para o mundo fantástico de Neverwinter!

Em síntese, você irá explorar e defender uma das cidades mais amadas de Dungeons & Dragons no Cenário de Campanha de Forgotten Realms, enquanto ela se ergue em meio às cinzas da destruição.

Por fim, este MMORPG imersivo levará você das muralhas sitiadas da cidade até suas passagens subterrâneas em busca de segredos esquecidos e tesouros perdidos. Uma aventura sem igual!

Em resumo, há muitas opções de jogos grátis Steam para você aproveitar e jogar muito em 2021. Esperamos que tenha gostado das dicas!

Então, não deixe de seguir nosso blog e acompanhar todas as nossas novidades. Até a próxima!

CONFIRA OS MELHORES PLANOS DA TIM PARA O SEU CELULAR

Facebook Gaming Streaming x Twitch: qual a melhor para streaming?

Facebook Gaming Streaming

A forma de criar e consumir conteúdos muda todo dia. No universo dos games, as plataformas de streaming de jogos alcançam cada vez mais popularidade na internet. A Twitch e o Facebook Gaming Streaming são concorrentes nesse segmento e disponibilizam uma série de vantagens para conquistar o maior número de espectadores.

As transmissões ao vivo podem ser assistidas tanto no PC quanto em celulares Android e iOS. Os usuários podem contar com streamers fazendo vídeos de gameplays, além de grandes campeonatos de e-esportes. A seguir veja o comparativo com as características de Facebook Gaming e Twitch TV.

Para saber a plataforma que vale mais a pena é preciso saber qual possui o maior número de espectadores, suporte de chat e facilidades operacionais. A Twitch leva uma pequena vantagem no geral por ter expandido o modelo de streaming de jogos. O Facebook Gaming Streaming, apesar da força de marca, é um recentemente concorrente na disputa. 

Reunimos as características de cada plataforma e o que pode tornar uma mais vantajosa que a outra. Assim, você poderá acompanhar o comparativo: Facebook Gaming Streaming ou Twitch?

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

Leia também: Acabou a brincadeira: o E-sports já virou coisa séria

Facebook Gaming Streaming x Twitch: comparativo

Multiplataformas e devices

Tanto o Facebook Gaming como o Twitch se destacam por serem multiplataformas. Ou seja, o usuário pode acessá-las no PC e em aplicativos desenvolvidos para celulares. 

O serviço do Facebook tem versão web e aplicativo para dispositivos Android. A vantagem do sistema do Google é que o aplicativo da plataforma é leve: pesa apenas 42 MB.

Porém, a plataforma ainda não possui disponibilidade para iPhone (iOS). Dessa forma, os amantes de games acabam dependendo da versão web.

Em relação à disponibilização de plataformas, a Twitch garante ligeira vantagem sobre o Facebook Gaming por oferecer versões voltadas para PC e dispositivos Android e iOS.

O aplicativo é gratuito e pode ser baixado na Google Play Store e App Store. Assim como o concorrente, a versão mobile da plataforma não ocupa muito espaço na memória do dispositivo.

Leia também: Como funciona o Facebook Gaming?

Interface versão web

Além do site da Twitch na versão web oferecer uma interface limpa e simplificada, garantindo ainda carregamento rápido, ainda possibilita a adaptação aos diferentes tamanhos de tela automaticamente. 

Ao acessar a página inicial, por meio de um carrossel, a Twitch destaca nove canais que fazem parte do programa de parceria e que estão realizando transmissões no momento. Já em em “Canais Recomendados”, a plataforma exibe os canais brasileiros que estão ao vivo com os maiores públicos. Se o usuário rolar a página, poderá conferir ainda canais e categorias recomendadas.

O Facebook Gaming não fica atrás quando se trata de interface, em que o sistema de navegação é bem similar à da própria rede social. Quando o usuário abre a página inicial, tem acesso ao vídeo ao vivo de um parceiro verificado da plataforma em destaque. 

Abaixo é possível conferir outras transmissões recomendadas, conteúdos com incentivos, clipes mais relevantes da semana, jogos e streamers sugeridos. Ao acessar o menu vertical, em “Sugestões”, assim como na Twitch, é possível conferir os principais streamers da plataforma.

Interface mobile

A Twitch conta com uma interface um tanto simples, separada por três seções: 

  1. “Seguindo”: que se refere aos streams que o usuário segue; 
  2. “Descubra”, com sugestões de canais de acordo com o tipo de uso do usuário; 
  3. “Procurar”, ferramenta de busca de canais. 

O formato de seções permite que o usuário confira seus streamers favoritos ou também descubra novos talentos nas plataformas de acordo com suas preferências, de maneira simples, didática e intuitiva.

Ao falar da apresentação do aplicativo do Facebook Gaming Streaming, vamos para uma versão um pouco mais complexa. Apesar de também ser dividido em seções, além de solicitar login e senha para acessar os canais, não é tão simples e intuitivo.

As quatro seções do aplicativo:

  1. “Timeline”: que faz um apanhado de conteúdo em alta de páginas de games; 
  2. “Jogar”: que permite, de fato, jogar no próprio aplicativo; 
  3. “Explorar”: para navegar entre games e streamers;
  4. “Mensagens”: onde o usuário pode conversar com os amigos a respeito de seus jogos favoritos. 

Leia também: Como fazer stream na Twitch: confira cinco passos

Funções e diferenciais

Ao falar do objetivo principal das plataformas, que é exibir transmissões de jogos e permitir a interação com o próprio streamer e telespectadores por meio de chats, ambas cumprem o que precisam.

Além disso, tanto o Facebook Gaming como a Twitch permitem aos usuários assistirem às transmissões posteriormente, por meio do canal de vídeos.

No entanto, o aplicativo do Facebook Gaming sai em destaque por complementar funcionalidades derivadas da rede social, como a presença de uma timeline e das mensagens, por exemplo. Dessa forma, os usuários são mantidos no mesmo aplicativo para realizar diferentes atividades.

Streamers

Tanto a Twitch quanto Facebook Gaming firmam parcerias com inúmeros streamers e pro-players populares no cenário gamer para atrair e manter os usuários em seus apps.

Para isso, influenciadores famosos nos principais títulos do mercado, como Fortnite e Free Fire, por exemplo, estão presentes. Para definir quem sai na frente neste caso, só você, de acordo com o famoso de sua preferência. 

Streamers Facebook Gaming 

Samira Close, Neto “netenho” Cavalcante, Rato Borrachudo, Joseph “Tecnosh” Touma e Rebeca Transex, por exemplo

Streamers Twitch 

Foco em “veteranos” como Felipe “YoDa” Noronha, Flávio “Jukes” Fernandes e Alan “Alanzoka” Ferreira.

Espectadores: Facebook Gaming Streaming ou Twitch?

Como a Twitch já está no mercado há muitos anos e o Facebook Gaming está começando sua jornada, o número de fidelizações na Twitch é muito maior que o Facebook Gaming. 

Espectadores Facebook Gaming

Na plataforma, o jogo com maior quantidade de “visualizadores” é o PUBG, ultrapassando 58,9 mil espectadores.

Nos destaques ao vivo mostrados enquanto o artigo era produzido, o maior público era de 1,2 mil espectadores simultâneos. Lembrando que esses valores podem ser diferentes caso o Facebook só indique conteúdo local, por exemplo.

Na área de streamers conhecidos recomendados, somente um estava ao vivo, uma pessoa com 232 mil inscritos mas com a audiência de 826 pessoas.

Espectadores Twitch

O jogo com a maior quantidade de “visualizadores” é o Among Us, ultrapassando 194,8 mil espectadores.

Nos destaques ao vivo mostrados enquanto o artigo era produzido, o maior público era de 26,9 mil espectadores em uma transmissão de Rocket League.

Na área de streamers conhecidos recomendados, no momento do artigo, Gaules, um dos streamers mais conhecidos do Brasil, estava transmitindo para 23,7 mil espectadores. O influenciador possui quase 2 milhões de inscritos no canal.

Leia também: Notebook gamer: vale a pena comprar um?

Recompensas aos usuários

As recompensas funcionam como prática que garante o reconhecimento dos usuários e o apoio à comunidade. Ou seja, após determinado tempo assistindo às transmissões, a Twitch oferece pontos do canal, onde os telespectadores podem participar de atividades personalizadas, como escolher a música de fundo, por exemplo. 

Além disso, esses pontos também podem ser usados para destacar mensagens no chat. O Facebook Gaming, até o momento, não conta com esse tipo de recurso disponível para os usuários.

Marca: Facebook Gaming ou Twitch?

Apesar da força existente na marca Facebook ao ser lançada como plataforma de stream para jogos, isso ainda não reflete a potencialidade do Facebook Gaming, já que está no início da sua caminhada.

Já a Twitch, por ser uma plataforma com muitos anos no meio gamer, está consolidada. Ao pensar em streaming de jogos, torna-se quase um Top of Mind entre os usuários.

Dessa forma, a Twitch tem vantagem de marca no segmento específico de games.

Resultado comparativo: Facebook Gaming Streaming ou Twitch?

Em suma, ao comparar ambas as plataformas, a Twitch sai vencedora da disputa ao trazer sua experiência no mercado. O Facebook Gaming, apesar de contar diversas funcionalidades, ainda tem um grande caminho de melhorias e aprimoramento da plataforma. 

Ao desenvolver novas funções, expandir a disponibilidade de plataformas, lançar um sistema de recompensas, entre outros diferenciais, com tempo a plataforma de streaming de jogos estará mais encorpada.

Leia também: Qual o melhor mouse gamer: conheça 10 opções do mercado

QUER O MELHOR PARA SEU CELULAR? ENTÃO, CONFIRA AS OFERTAS DA TIM! 

E aí, tiramos a dúvida sobre o Facebook Gaming Streaming x Twitch?

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!