Conheça o UBus: o sistema de transporte sob demanda

UBus

Um novo aplicativo começou a ser utilizado em São Paulo neste semestre: é o UBus, uma espécie de Uber de ônibus. O aplicativo tem como propósito interligar passageiros a veículos de transporte coletivo.

Inicialmente, a nova linha de ônibus está funcionando para viagens entre a região da Avenida Engenheiro Luís Carlos Berrini, na zona sul de São Paulo, e São Bernardo do Campo, região metropolitana do Grande ABC. Contudo, pretende-se ampliar os locais de locomoção.

Entenda, neste artigo, como funciona a linha de ônibus que é baseada em aplicativo. É só continuar a leitura.

O que é o UBus?

A linha de ônibus UBus nos lembra o app Buser, que ficou famoso em 2019 por fazer viagens interestaduais mais em conta para passageiros. Além da qualidade impecável do serviço de transporte, claro.

Embora parecido, o UBus é um serviço prestado, exclusivamente, pela empresa Metra. Essa empresa opera linhas metropolitanas ligando o ABCD Paulista. Ou seja, interliga as cidades de Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul e Diadema às zonas sul e leste de São Paulo.

O ônibus UBus possui padrão rodoviário, aqueles que normalmente fazem transporte entre estados e municípios. Assim, o ônibus da Metra oferece poltronas reclináveis, ar condicionado, bagageiro interno, Wi-Fi, tomadas USB. Além disso, o ônibus atende às normas de acessibilidade, ofertando sistema de elevador para usuários em cadeira de rodas.

Mas, o que tem de diferente com o padrão dos ônibus normais? O UBus opera através de aplicativo. Funciona de maneira parecida com o sistema de UBER, no qual o usuário aciona a locomoção por meio de app, instalado em seu celular Android ou iOS. No sistema UBus, acontece igual, com a única diferença de que a locomoção vai acontecer de forma coletiva.

Como posso fazer uma viagem no UBus?

Para fazer uma viagem é super fácil! Basta que você, primeiramente, faça o download do aplicativo UBus em seu celular. Após a instalação, o usuário deve realizar um breve cadastro e, com isso, já pode solicitar sua viagem, informando local de origem e destino.

Por seguinte, na tela do app será disponibilizado o horário da próxima viagem do UBus e o local de embarque. Além de fazer o pedido no momento, o usuário pode agendar viagens para os próximos dias e reservar assentos de sua preferência. Um diferencial é que os passageiros não viajam em pé, o que em nada se assemelha ao transporte coletivo comum.

Depois de ter feito o pedido, escolhido assento e colocado o local adequado de saída e destino, basta que o usuário efetue o pagamento da passagem. Assim como os demais aplicativos de transporte por app, o pagamento pode ser realizado por cartão de crédito.

O UBus também conta o pagamento por cartão de transporte BOM, sistema metropolitano convencional.

Pronto! Após isso, será gerado um QR Code para ser validado no ônibus para execução da viagem.

O motorista terá acesso às informações de cada passageiro em um tablet, no ônibus, e assim saberá os pontos de embarque e desembarque de cada passageiro.

Leia também: Saiba qual o melhor plano de celular com redes sociais ilimitadas

Passo a passo do app UBus

Ao abrir o aplicativo, você vai encontrar três opções na tela: “meus tickets”, “solicitar viagem” e “atendimento”. Antes de efetuar sua viagem, é necessário o cadastro dos dados de pagamento (cartão de crédito ou cartão de transporte BOM).

Após isso, você pode escolher em “solicitar viagem”, “quero viajar hoje” ou em “quero agendar uma viagem”. A diferença entre elas é que nas duas primeiras aparecem os dados de horários dos ônibus durante o dia atual, enquanto na última, que é para agendar, aparecerão os horários de reservas de ônibus para dias posteriores.

Alguns defeitos do aplicativo se apresentam na hora de escolher a rota do ônibus. Você precisa saber a rota por onde o ônibus passa para ter sugestões de embarque. Para quem está acostumado a fazer essa viagem nas regiões atendidas, fica fácil resolver esse problema.

Agora, reserve o lugar no ônibus, escolha a forma de pagamento e aguarde pela viagem no ponto de embarque.

Assim como acontece nos aplicativos de transporte Uber e 99, aparecerá na tela do seu celular um ícone do meu ônibus a caminho, além do mapa em tempo real sobre o deslocamento do veículo.

Ao entrar no ônibus, você vai precisar passar o QR Code para leitura em uma máquina que fica na escada de acesso ao veículo, como se fosse o seu ticket de passagem. Só após a leitura, o motorista inicia a viagem.

Por fim, o motorista acompanhará pelo tablet o local de desembarque. Então, não é preciso ficar preocupado em perder o ponto.

Estrutura do UBus

Os ônibus do UBus possibilitam embarque e desembarque dos passageiros tanto pelas portas dianteiras quanto pelas traseiras. Por isso, os ônibus não possuem o sistema comum de catracas dos ônibus coletivos habituais, e muito menos serviço de bordo. Eles são do modelo Marcopolo Paradiso 1050, Mercedes-Benz O 500-R, e possuem 46 poltronas disponíveis em cada ônibus. Como ninguém vai em pé no UBus, somente esses lugares podem ser ocupados.

Com isso, disponibilizando esse serviço diferenciado, as empresas de transporte esperam reverter o aumento de passageiros usando carro individual. É uma forma de transporte coletivo mais confortável e com preço justo.

Vem crescendo nas cidades grandes o problema de trânsito em razão do aumento de carros individuais. O UBus tem o intuito de fazer com que o usuário prefira os transportes coletivos.

Além do UBus, outros projetos de transporte coletivo por meio de aplicativo surgem no país. É o caso do  CityBus 2.0, que já opera comercialmente em Goiânia. O transporte é uma idealização da concessionária HP Transportes.

📲A internet do seu celular acaba rápido?

Venha para a TIM e navegue à vontade!

Será que vale a pena utilizar o aplicativo?

Como falamos anteriormente, no início desse artigo, o UBus é uma ótima opção para quem não quer enfrentar ônibus lotado e, ainda por cima, quer ter uma viagem confortável. É um ônibus no estilo das vans executivas, com conforto dos ônibus que operam transporte rodoviário.

Diferentemente do transporte público comum com que estamos acostumados, o UBus disponibiliza, além dos benefícios que já explicamos, o cinto de segurança. Dessa forma, demonstra que é um veículo que preza por segurança dos passageiros e atendimento à legislação.

Vale a pena pagar o preço da viagem?

Se a resposta for pelo conforto, vale sim. Porém, se o cliente não está em boas condições financeiras para pagar pelo serviço, talvez seja melhor avaliar a escolha de transporte. O valor pode custar três mais do que você costuma pagar no transporte público comum, um diferencial e tanto.

Apesar do preço, o valor pode custar mais barato do que um Uber em horário de pico. Pode ser, então, uma boa solução nos casos em que você já executa o pagamento por transporte particular. O transporte é ótimo para essa situação ou para quem gostaria de ter um pouco mais de conforto nas viagens.

Impasse com a Prefeitura de São Paulo

Apesar de ter sido um sucesso em seu primeiro mês de uso, o UBus está aguardando autorização da prefeitura de São Paulo para voltar a operar. O órgão alegou que a oferta é clandestina, mesmo que os ônibus contem com autorização da EMTU, que é ligada ao Governo do Estado.

Segundo uma reportagem da UOL, “a empresa apontou esperar uma explicação da Secretaria de Transporte e Mobilidade Urbana do Município de São Paulo para dar continuidade ao serviço”.

Enfim, teremos que aguardar a retomada do serviço. Por enquanto, os usuários, ao solicitar uma viagem, estão recebendo a notificação “erro inesperado ao buscar viagens”.

❌Chega de ficar sem internet!

Na TIM, você navega à vontade e dispõe de uma série de benefícios exclusivos.

Quando tivermos mais novidades sobre a disponibilização do serviço, atualizaremos em nosso blog Compara Plano.

Gostou do nosso artigo sobre o app UBus? Saiba mais sobre o BlaBlaCar, aplicativo baseado em economia colaborativa para viagens de longa distância.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *