Celular com tela quebrada: o que fazer nessa hora?

Nada é mais frustrante do que investir em um bom celular, colocá-lo para funcionar e, em um acidente inesperado, ter a tela quebrada. Por falta de recursos naquele momento, muitas pessoas acabam utilizando o aparelho mesmo com o problema na tela até certo tempo. No entanto, não é recomendável. Nesse post, vamos listar os procedimentos necessários para trocar a tela ou recuperar os dados.

Em outras palavras, concordamos que a tela é um componente muito importante do smartphone. No entanto, a boa notícia é que a troca desse vidro especial é perfeitamente possível. Na verdade, você pode deixar seu celular como novo outra vez. Por essa razão, indicamos que você procure uma empresa autorizada da marca do seu dispositivo para realizar o procedimento.

É preciso ressaltar também que a melhor maneira de prevenir esse problema é utilizando uma boa película na tela e uma capinha de celular. Há modelos no mercado que deixam o seu aparelho praticamente indestrutível. Com isso, você afasta o perigo da tela quebrada e protege o seu aparelho.

Se você é um inglório proprietário de um celular com a tela quebrada, esse post é para você. Vamos detalhar os procedimentos para fazer os reparos e também resgatar os dados que podem ter se pedido. Acompanhe o post até o final.

Leia também: Descubra o melhor plano de TV, internet de celular no Compara Plano

CONFIRA AS OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS DE ADAPTAM A VOCÊ!

Recupere os dados de aparelhos com tela quebrada

Dependendo da força do impacto, quebrar a tela do celular também pode comprometer seu uso e até travar de vez o aparelho. Ou seja, a tela pode estilhaçar de certa forma que impeça a visualização das informações. Outro problema comum nesse tipo de acidente é prejudicar o touch screen e o botão de início.

No entanto, é possível copiar seus dados pessoais para um computador ou outro dispositivo por meio de cabos e aplicativos. Pelo menos até que o estrago seja consertado ou você opte pela compra de um novo aparelho.

Um dos procedimentos mais comuns para recuperar os dados é recorrer ao backup no Google, no caso de aparelhos Android. Basta acessar sua conta Google em outro celular para resgatar apps, contatos da agenda de telefone e imagens no Google Fotos. Por tanto, quando seu celular estiver inteiro, não deixe de manter o backup sempre atualizado.

Use um mouse convencional

Se a tela quebrada impede de você usar os recursos de toque, saiba que é possível utilizar um mouse de computador no seu celular Android. Para isso, tenha em mãos um cabo OTG. Geralmente, o dispositivo Android tem uma porta mini-USB ou USB-C. Então, utilize o adaptador OTG no USB do mouse. Assim, é possível encaixar o mouse no celular.

Para você ter uma ideia, o cabo OTG permite acoplar até teclados nos smartphones, entre outros recursos. Vale a pena ter um à disposição.

Use um computador

Se o acidente foi tão grave que não é possível ver o que aparece na tela, então a alternativa é utilizar um computador para recuperar os dados. O primeiro passo é ativar a depuração USB, dentro de “Configuração”. Desse modo, o celular será reconhecido pelo computador.

Leia também: Marcas registram modelos inéditos de celular com tela extensível

Vale a pena trocar a tela ou comprar outro celular?

Depois que você conseguiu resgatar seus dados, ufa, está tudo certo. Negativo! O aparelho continua com a tela quebrada e utilizá-lo dessa forma por mais tempo certamente vai aumentar ainda mais o dano ou até poder cortar seus dedos. Nesse caso, são dois caminhos a serem tomados: trocar a tela e ficar com o mesmo aparelho ou comprar um celular novo.

Essa decisão é um pouco complicada pois o valor para trocar uma tela quebrada por outra nova pode ser salgado dependendo do modelo do aparelho. Portanto, o primeiro passo é procurar uma assistência técnica autorizada, preferencialmente da marca do seu aparelho, para avaliar os danos e ver se compensa a troca da tela.

Para você ter uma ideia, novas telas para celular podem custar até 60% do preço do aparelho novo. Por esse motivo, pesquise bastante. Se for um modelo mais antigo e com bastante tempo de uso, talvez vale a pena investir em um novo. Além disso, trocar a tela quebrada de aparelhos mais velhos tem a dificuldade de encontrar as peças.

Leia também: Quanto pode custar um celular top de linha em 2020?

Tela quebrada: tente fazer a troca você mesmo

É claro que a nossa recomendação é sempre recorrer à assistência técnica autorizada se o trabalho é trocar a tela quebrada do celular. No entanto, esse serviço não é barato, como falamos mais acima. Por conta disso, há usuários que tentam fazer o procedimento por conta própria.

Nesse caso, o primeiro passo é comprar uma tela nova compatível com o seu dispositivo. Depois, procure por tutoriais no Youtube ou na internet sobre como trocar a tela do modelo do seu celular. Há muitos deles na web. É um procedimento que exige habilidade e muito treino. Se você gosta de descobrir como se faz, é uma opção bem mais barata para resolver o problema.

Invista em uma boa capinha e película de celular

A supervalorização dos preços de alguns celulares top de linha tem feito os valores ficarem nas alturas. Facilmente, é possível encontrar aparelhos na casa dos R$ 10 mil. Por essa razão, para evitar o incômodo da tela quebrada em algo tão valioso, vale a pena investir em uma boa capinha e em uma película para o dispositivo.

Em relação às capinhas, há alguns modelos existentes:

  • Bumper: mais simples, contorna apenas as laterais dos aparelhos;
  • Flip: essa capinha cobre as laterais, o fundo e a própria tela, tal qual uma carteira
  • Silicone e TPU (Polímero termoplástico): são capas confortáveis ao toque, cobrem fundos e laterais.
  • Superprotetoras: mais encorpadas, protegem o fundo e as laterais com materiais ultraresistentes, utilizados até em práticas esportivas e em veículos.

Em relação às películas, há os seguintes tipos:

  • Vidro: mais rígida e com um fator de proteção da tela mais elevado. Também tem maior durabilidade.
  • Silicone: mais simples e barata, é uma proteção básica para sua tela.
  • 3D: são os modelos mais avançados, que melhoraram a visualização da tela e ampliam o poder de proteção.

Você vai ver que é uma boa jogada investir na proteção do seu aparelho também na hora da venda. Ou seja, um celular usado mas com mínimas marcas de uso é muito mais fácil de ser comercializado do que um aparelho com nicados na tela e arranhões no fundo.

CONFIRA OS MELHORES PLANOS DA TIM PARA O SEU CELULAR

Leia também: Quais os melhores celulares com a tela grande em 2019?

Tela quebrada: tem remédio!

Agora que você já conhece os caminhos para restaurar a tela do seu smartphone, que tal conferir a melhor forma de comprar e vender um celular usado?

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Contrate via chat