O que é roteador? Entenda o aparelho e saiba como configurá-lo

Você sabe o que é roteador? Trata-se do aparelho que, na melhor descrição, distribui o sinal de internet dentro da sua casa ou empresa via Wi-Fi. Atualmente ele conta com antenas potentes, o que faz com que a maioria dos nossos dispositivos, inclusive os estáticos, tais quais os desktops, tenham a liberdade de conexão sem fios. Em alguns modelos é necessário ter um adaptador para captar o sinal wireless, é verdade, mas isso não vem ao caso.

Sua grande funcionalidade, se fôssemos usar termos mais técnicos, seria a de transportar informações acondicionadas em pacotes de dados numa rede sem fios. Imagine que tudo o que faz na internet, tanto em termos de navegação (download) quanto em termos de envio de arquivos (upload), precisa ter pacotes em circulação. Para abrir uma página, você “baixa” a sua imagem, sua interface, suas informações, e todas essas circulam nessa rede sem fio.

Ou seja, a cada uma dessas tarefas, o que está acontecendo na sua casa é que a rede wireless se constitui de ondas de rádio e faz circular por ela pacotes de dados, tanto para que a internet receba aquilo que você deseja enviar quanto para que você receba arquivos e páginas dos serviços que deseja acessar. Aqui, entra o papel do roteador, pois ele é o responsável por sustentar essa rede de comunicação ativa, criando vias de transmissão.

Atualmente, os roteadores cumprem mais de uma função. Eles vêm eliminando do mapa os modens, os quais, quando separados, cumprem o papel de ligar essa rede sem fio à rede mundial de computadores. Ou seja, os modens roteadores mantêm a ligação entre a web e a rede da sua casa, além de vincular essa mesma rede aos dispositivos do ambiente.

CONFIRA OPÇÕES DE PLANOS DA CLARO QUE MAIS SE ADAPTAM A VOCÊ!

Como funciona o roteador

Tradicionalmente as redes de internet das quais fazemos uso em casa são sem fio. A popularização da banda larga e das supervelocidades foi impulsionada em larga escala na última década, fazendo com que nos acostumássemos a prescindir de ligações por fios, tal como acontecia no início da conectividade residencial.

Essas redes criadas, que permitem a ligação entre dispositivos e a rede mundial de computadores ou entre dispositivos dentro de uma mesma rede, são promovidas pelo roteador. O que ele faz é criar um ambiente de transmissão de dados pela via aérea, a partir da utilização de ondas de rádio.

Nessas redes, existem rotas cuja analogia perfeita seria a de pistas onde se veiculam pacotes e ficheiros. Além de fazer esses dados circularem, o roteador também busca as melhores rotas para que isso aconteça. As menos congestionadas, as mais curtas, as mais eficientes, todas essas características são individualizadas pelo aparelho, a depender da sua capacidade.

De uma maneira geral, o roteador é responsável por criar as rotas de transmissão de dados, gerenciá-las no sentido de escolher qual delas será utilizada numa comunicação em particular, além de habilitar uma máquina a se vincular a ela. Isso acontece por meio do IP, o endereço que identifica cada dispositivo dentro um ambiente comunicativo, atribuído por ele.

Leia mais: O que é gateway e para que serve? Veja os detalhes aqui!

Modem e roteador são o mesmo?

Numa resposta objetiva, não. A função de cada um desses aparelhos é distinta, e nada tem que ver um com o outro, apesar de alguns poréns.

Primeiro, o modem é o responsável por realizar uma conexão à rede mundial de computadores. Ou seja, é ele que tem a capacidade de ser vincular à internet em si, aquela que chega via cabeamento até a sua casa, quando falamos de banda larga, ou à rede 4G, quando falamos de modem para internet rural ou localidades de difícil acesso. Até é possível “pegar” a internet direto do modem, porque ele conta com saída para cabo de rede, mas essa saída é aquela que se dirige para o roteador.

O roteador, por sua vez, é o responsável por distribuir a internet para as máquinas ou os dispositivos que integram uma determinada rede. Nesse sentido, ele se vale da conexão do modem à web e, na sequência, cria uma rede interna, à qual múltiplos aparelhos podem se vincular e, nela, conversar entre si, trocando informações.

A confusão moderna se dá porque os atuais modens roteadores conjugam essas duas funções num único aparelho. Além de receber o cabo da banda larga para se ligar à internet, distribuem o sinal num ambiente de rede wireless. Ou seja, o maior “porém” dessa história é que, para quem não viveu no tempo dessa subdivisão de tarefas em dois aparelhos, a resposta passa facilmente para um direto sim.

Modem roteador é uma boa opção?

Não é boa, é a melhor opção! Isso pois ele promove economia de espaço, diminui a quantidade de fios de uma rede e pode atuar de maneira bem eficiente.

Em tempos de supervelocidades da banda larga, usuários em geral esperam que toda essa navegação seja alcançada por seus dispositivos. Além disso, a conexão às redes demanda cada vez mais banda, sobretudo em razão de serviços com grande download de dados, tais quais streamings como Amazon Prime e Netflix. Por isso, as operadoras vêm investindo cada vez mais nesses aparelhos, de modo a deixá-los mais eficientes.

No caso da Claro, por exemplo, uma das grandes bandeiras da sua internet é o Wi-Fi Up, o qual conta com um modem roteador de alta performance, e ele realmente é. Melhor distribuidor de sinal, maior capacidade de transmissão de dados e maior número de frequências. Consequentemente, maior tamanho físico. É com ela que é possível alcançar os 240 Mega do plano mais badalado do momento em seu portfólio.

Os aparelhos mais modernos colocam à disposição duas faixas de frequência para o Wi-Fi, 2,4GHz e 5GHz. Com ambas em atuação, é possível alcançar os 400 Mega que a Oi oferece na sua melhor oferta, por exemplo. Claro, isso também vai depender de o seu aparelho ter suporte para a frequência 5GHz, ainda em implantação em termos de hardware. Aparelhos antigos não chegam lá, mesmo que você contrate muitos Megas.

Como configurar o roteador

Quer configurar o seu roteador? No painel administrativo desses aparelhos você pode alterar o nome da sua rede residencial ou profissional além de alterar a senha para conexão.

Em geral o procedimento é o mesmo, mas vale uma ressalva: se você contratou a internet da Claro recentemente, o procedimento de alteração das informações da sua rede na operadora são realizados no ambiente virtual chamado Minha Claro Residencial. Esse pode ser acessado via navegador e com apenas alguns passos (menos de 1 minuto) você faz a troca de ambas as credenciais.

Para roteadores mais antigos, comprados individualmente ou de outras operadoras, faça o seguinte:

Encontre o IP do seu aparelho

Geralmente está na etiqueta do roteador, com quatro grupos de números separados por pontos, tal como http://198.168.25.1.o que é roteador

Se não for o caso, siga o passo a passo abaixo.

  1. Abra a pesquisa do Windows (Botão Windows + R);
    o que é roteador
  2. Na janela aberta, digite o comando cmd;
  3. Então, aberto o Prompt de Comando, digite ipconfig para ter acesso às informações de rede do sistema;
    o que é roteador
  4. Encontre a entrada Gateway Padrão, pois é ao lado dela e estará o IP do seu roteador. Nesse caso, o número 192.168.25.1 se repete (pois se trata do mesmo aparelho da primeira imagem). Anote-o!

Menu de configurações

  1. Acesse o menu de opções através do endereço IP encontrado no passo anterior.
  2. Ao abrir o menu, você terá disponíveis várias opções para acessar o roteador diretamente pelo navegador. Porém, antes precisará passar pela página de autenticação, na qual deve informar as informações de login disponibilizadas na própria etiqueta do aparelho.
    1. O mais tradicional é que tanto login quanto senha sejam admin. Contudo, pode ser o caso de a senha ser password, 12345 ou precise ficar em brancoadmin12345 também é uma possibilidade.
  3. Por fim, basta realizar as seleções devidas: alterar o nome da rede ou sua senha.

Leia mais: Como saber se a TV é Smart? Descubra já de forma fácil!

CONFIRA OS MELHORES PLANOS DA TIM PARA O SEU CELULAR

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologiaplanos e pacotesdicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Contrate via chat