Como faço para medir minha internet em relação à velocidade?

Há vários fatores a serem analisados na hora de contratar um plano de internet para sua casa. Um dos principais, sem dúvidas, é a velocidade da conexão. Para você ter uma ideia, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) tem uma regulação a parte sobre isso. Mas como fazer para medir minha internet? Há muitas ferramentas que podem ajudar nessa hora. Além disso, que vão ajudar a fiscalizar o seu pacote.

Para verificar qual plano é o que melhor se encaixa ao seu perfil, você sabe que pode contar com o Compara Plano. Agora, para medir minha internet, e também a sua, aí podemos contar com programas superfáceis de utilizar para verificar a sua conexão. As próprias operadoras, como a TIM e a Claro, oferecem sistemas que ajudam nessa medição.

Em resumo, é um processo muito tranquilo de se fazer, com apenas alguns cliques. E não precisa ser realizado apenas quando a sua internet apresentar lentidão. Em outras palavas, é recomendável medir a internet a cada novo acesso para constatar a normalidade do serviço.

Ficou interessado em saber como fazer isso? Fique atento às dicas desse post.

Leia também: Plano de internet para motorista de aplicativo: como escolher o seu

O que diz a lei sobre velocidade da internet

Saiba que velocidade de internet é coisa séria. Ou seja, o que você contratou junto às operadoras deve ser cumprido. A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) é que estabelece regras nessa área. Todas vez que uma operadora de telefonia celular ofertar serviços de conexão à internet, é preciso respeitar padrões mínimos de qualidade. Em suma, é tudo definido por lei.

Essas obrigações, segundo informações da Anatel, são medidas de duas maneiras:

1 – A velocidade da sua conexão de internet não deve ser menor a 40% da velocidade que foi ofertada pela empresa. A conta é simples. Vamos supor que a operadora de telefonia vendeu a você internet com velocidade de 1 Mbps. Nesse caso, essa velocidade não deve ser menor que 400 kbps;

2 – A segunda regra é que, considerando todas suas conexões à internet, a média mensal da velocidade não deve ser menor que 80% da que consta em contrato. Se levarmos em conta a simulação acima, a média da velocidade durante o mês não deve ser menor que 800 kbps.

Por essa razão, medir minha internet e a sua também é tão importante. Se você estiver interessado em conferir de perto a legislação a respeito, basta pesquisar os Arts. 21 a 23 da Resolução nº 575/2011 da Anatel.

Leia também: Como escolher a melhor internet móvel para notebook

Planos com velocidade de internet limitada

A Anatel esclarece ainda que, com frequência, as operadoras de telefonia de celular oferecem planos de conexão à internet com franquia limitada de dados. Ou seja, caso o cliente consuma toda a quantidade de dados contratada, ocorre a redução imediata da velocidade da internet, caso o uso continuar.

Vamos supor que você contrate um plano com limite de uso de 1 GB por mês. Caso na metade do mesmo mês você já tenha atingido um certo limite de tráfego, a velocidade da conexão cai de forma considerável

Nesse caso, as operadoras de telefonia de celular são obrigadas a informar ao cliente as duas coisas. Tanto a velocidade da internet enquanto a franquia estiver em consumo, quanto a velocidade após o limite da franquia ser atingido.

Leia também: Melhores ferramentas para vender pela internet

Como medir minha internet?

O famoso teste de velocidade de internet pode ser realizado em diversas ferramentas online. Inclusive, oferecido pelas próprias operadoras. Portanto, agora que você já conheça as regras, fique atento. No site da Anatel, a agência recomenda para saber com precisão a velocidade de conexão da sua internet o aplicativo “Brasil Banda Larga”.

Esse programa é certificado pelo órgão federal e pode ser baixado na App Store (para iPhones) e no Google Play (para sistemas operacionais Android). Ou, ainda, por meio do site do Brasil Banda Larga, caso seu interesse é por medir a internet da sua casa pelo computador.

De acordo com a Anatel, os aplicativos e o site são bem seguros e gratuitos. Além disso, não permite acesso ao conteúdo das ligações ou mensagens dos usuários, no caso do celular.

Ao acessar a ferramenta, a medição é bastante simples. Basta apertar em “Iniciar Teste”. No aplicativo ou no site, você vai notar que é da Entidade Aferidora da Qualidade (EAQ), criada em atendimento a orientações da Anatel. A EAQ foi implementada pelos órgãos federais oficiais justamente para medir indicadores de qualidade das redes de telecomunicações de acesso à internet banda larga fixa e móvel no Brasil.

Leia também: Saiba porque a internet 5G é a nova revolução

Outras formas de medir sua internet

Além do Brasil Banda Larga, há outros serviços muito interessantes que ajudam a medir sua internet. Um deles é o minhaconexao.com.br. Nesse site, também é possível aferir a velocidade da sua internet de uma maneira muito simples. Além disso, o portal disponibiliza algumas informações extras bem interessantes.

Uma delas é o ranking de velocidade na sua cidade. Como assim? Ao acessar o portal, o Minha Conexão identifica automaticamente a sua cidade. A partir daí, classifica as empresas que estão oferecendo a melhor velocidade de internet na sua região. O site também avalia a média de velocidade da internet na mesma cidade e compara com a sua.

Outra seção interessante é a de avaliações das empresas. As pessoas podem dar uma nota e deixar comentários sobre a velocidade de conexão de internet oferecida pelas operadoras na sua cidade.

Outra opção muito fácil para medir sua internet é o https://fast.com/pt/. É, talvez, a ferramenta mais simples e rápida de todas. Basta acessar o site e, sem clicar em nada, a ferramenta já faz a aferição. No entanto, não há outras análises ou seções com conteúdos correlacionados.

Você também pode acessar o https://www.velocidadeideal.com.br/. Também está disponível aplicativo para a App Store e Google Play. Da mesma forma, a utilização é bastante simples.

Operadoras oferecem opções

Como falamos no início do post, ao mesmo tempo que essas ferramentas fiscalizam as operadoras, as empresas também fazem a sua parte. A TIM e a Claro, por exemplo, fornecem uma série de planos de conexão de internet. Por essa razão, as duas operadoras de telefonia também desenvolveram para seus clientes ferramentas para medir a velocidade da internet oferecida.

A ferramenta da TIM pode ser acessada aqui. Por sua vez, se você procura pelo aferidor da Claro, acesse aqui.

Viu como medir a internet é importante e fácil?

Agora que você já as ferramentas para medir a velocidade da internet, que tal conferir alguns apps para controlar o consumo da internet?

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, planos e pacotes, dicas e curiosidades, acompanhe o Compara Plano. Estamos muito satisfeitos em te ver por aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Contrate via chat