Veja quais são os melhores aparelhos de Booster Wi-Fi

Um dos principais problemas enfrentados pelos usuários de banda larga é sinal de WiFi baixo e inconsistente. É comum que nem o melhor roteador do mercado possa abranger a área total da casa e superar algumas barreiras de conexão. A solução para isso é bastante simples: o aparelho chamado Booster Wi-Fi, que funciona como um impulsionador de sinal.

O inconveniente de ter uma conexão de banda larga fraca pode ter diversas razões, mas o fato é que não estar 24 horas por dia conectado à internet é algo praticamente impensado hoje em dia. Se estamos na rua usamos a internet móvel. Quando entramos em um restaurante pedimos a senha do Wi-Fi.

Por isso, quando a adversidade de não conseguir conexão com qualidade em casa em casa ou no escritório aparece, é ainda pior. Nesses locais a internet é usada a todo o momento, seja em atividades simples, como assistir a televisão e checar e-mails, ou em funções mais avançadas, como a manutenção de sistemas de segurança.

Neste artigo vamos falar sobre os tipos de booster Wi-Fi e como esse aparelho simples pode acabar com os seus problemas de sinal fraco e falhas de conexão com a internet banda larga. Confira!

O que é booster Wi-Fi e como funciona

O booster WiFi pode ser um acessório indispensável se você está com problemas de consistência de sinal da internet banda larga. O aparelho funciona de forma simples. Ele capta o sinal emitido pelo roteador, o amplifica e transmite para os dispositivos próximos.

Através dele é criada como uma segunda rede para conectar-se ao sinal mais próximo e distribuí-lo com intensidade e estabilidade. O uso do impulsionador não compromete a segurança da conexão, que segue o mesmo padrão da rede original.

Tipos de booster Wi-Fi

Há basicamente dois tipos de aparelhos booster  Wi-Fi para internet: com ou sem fio. Veja como funciona cada um dos modelos.

Booster com fio

O booster com fio se conecta ao roteador por meio de um cabo coaxial para receber e emitir o sinal ampliado. É a solução mais eficiente para resolver problemas de baixo sinal de internet banda larga.

Com esse tipo de aparelho, não há praticamente nenhuma perda de velocidade na conexão e dificilmente haverá qualquer falha na transmissão, uma vez que o fio garante a estabilidade do sistema.

Um tipo de impulsionador Wi-Fi com fio muito conhecido e utilizado por sua praticidade é o chamado Powerline. Ele utiliza os cabos da rede elétrica para a transmissão do sinal, por isso basta conectá-lo a qualquer tomada próxima ao local com baixo sinal para que funcione.

Booster sem fio

O booster WiFi sem fio funciona por sistema wireless assim como qualquer dispositivo móvel, smartphone ou tablet, por exemplo. Sendo assim, basta conectá-lo à rede do local em que se deseja ampliar o sinal e a transmissão se dá automaticamente. A configuração é feita, em geral, por meio de um único botão existente no aparelho, o qual deve ser pressionado para iniciar a conexão.

O dispositivo sem fio deve ser posicionado em locais nos quais possa captar com qualidade o sinal do seu roteador. Preferencialmente, também deve ser mantido longe de aparelhos eletrônicos que possam causar interferência na transmissão, tais como micro-ondas e telefones sem fio. Mantidas as devidas precauções, seu funcionamento é fácil, rápido e muito estável.

Veja como melhorar a conexão WiFi do seu notebook ou PC com o uso de adaptador USB ou uma placa PCI.

Quando usar um booster Wi-Fi

O baixo sinal de alcance da internet banda larga é o principal motivo que pode levar você a necessitar de um booster WiFi na sua casa ou escritório. Os fatores que levam a esse problema podem ser variados. Confira algumas das possibilidades.

Barreiras

Há casos em que o sinal de internet não chega a alguns locais porque existem barreiras. É comum que casas e edifícios tenham paredes muito grossas ou sejam feitos com estruturas metálicas que impedem a passagem do sinal WiFi emitido pelo roteador. Outros elementos que interferem na transmissão do sinal são móveis e aparelhos eletrônicos. Tudo isso pode acabar formando as chamadas zonas mortas, nas quais não há qualquer sinal de conexão com a banda larga.

Áreas com sinal baixo

As interferências à rede podem não chegar ao extremo de fazer o sinal desaparecer, mas podem deixá-lo muito fraco. Uma das razões que leva a isso é a distância entre o local de conexão e o roteador. Em casas grandes, por exemplo, muitas vezes o ponto de internet está em um cômodo específico, que não é o mais utilizado pela família. Essa perda de eficiência costuma deixar a conexão lenta e instável, causando transtornos principalmente para acessar conteúdos como imagens, vídeos e jogos.

Áreas externas

Dificilmente um ponto de internet vai estar próximo à parte externa de uma casa, como o jardim, a churrasqueira ou a área de piscina. Nesses casos o uso de um impulsionador é indispensável para que a conexão chegue tão longe, já que os roteadores WiFi têm um limite de abrangência.

Mais velocidade

Já deu para entender que o uso mais comum de um booster WiFi é para ampliar o sinal de banda larga e levá-lo a uma distância maior ou a locais que possuem barreiras no caminho. Entretanto, esse aparelho também pode ter a função extra de ampliar a velocidade e agregar recursos a sua rede.

Com um booster WiFi, é possível atualizar a conexão para uma tecnologia de internet sem fio mais recente sem precisar substituir o roteador. Além disso, o dispositivo proporciona um melhor aproveitamento de tráfego, velocidade e maiores possibilidades de manipulação de dispositivos conectados.

Sabia que um estudo realizado este ano apontou que a Claro é a operadora com os melhores serviços de internet móvel e banda larga fixa do país? Leia todos os detalhes neste artigo que preparamos sobre o assunto.

Vale a pena investir em um booster Wi-Fi?

Antes de definir se vale a pena instalar um booster WiFi na sua casa ou no seu escritório, é necessário entender se o seu problema de conexão com a banda larga está dentro das demandas atendidas pelo aparelho.

Vale considerar também que, mesmo não havendo alguma dificuldade de conexão, o booster costuma oferecer vantagens como a ampliação de aproximadamente 50% do alcance da rede e o melhor aproveitamento da velocidade de internet.

Preços dos aparelhos no mercado

Há diversos tipos de aparelhos impulsionadores de WiFi disponíveis no mercado. Dependendo do seu caso, é possível escolher entre dispositivos com ou sem fio e com diversas configurações. Os preços também variam consideravelmente conforme essas características.

Apenas para ilustrar, em uma rápida pesquisa pelo site Mercado Livre, é possível encontrar boosters de tomada e sem fio por a partir de R$140. Por outro lado, os equipamentos mais sofisticados podem chegar a R$500.  Há ainda as versões em módulos, geralmente utilizados em empresas, que chegam a R$2 mil.

Quer saber quais são os melhores planos de internet banda larga para turbinar ainda mais a sua conexão? Confira nesse outro artigo, em que te ajudamos a escolher o melhor plano para o seu perfil. Se quer ler mais conteúdos sobre tecnologia, fique ligado no blog do Compara Plano e não perca nenhuma novidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *