Apple TV+ chega para concorrer com a Netflix

Apple TV+

Apple TV+, a plataforma de streaming da Apple, está chegando para concorrer com a Netflix. A partir de 1º de novembro os amantes dos conteúdos originais poderão acessar uma programação exclusiva por apenas R$ 9,90 por mês. O valor fica ainda mais atrativo se pensar que a mesma assinatura pode ser acessada por até seis pessoas da mesma família. E o usuário só começa a pagar depois de uma degustação gratuita de sete dias.

Programação já anunciada

A Apple TV+ promete uma programação nova e de qualidade todos os meses, com filmes e séries criados por grandes nomes do cinema e da TV. Dá uma olhada nos conteúdos já divulgados pela empresa, que poderão ser acessados a qualquer hora, até mesmo offline.

The Morning Show

A produção, que tem Reese Witherspoon, Jennifer Aniston e Steve Carell no elenco, é baseada no livro Top of the Morning: Inside the Cutthroat World of Morning TV, de Brian Stelter.

Ela conta a história de um apresentador de TV que foi demitido após acusações durante o movimento #MeToo. O roteiro é de Kerry Ehrin, de Bates Motel. Estão ainda no elenco Steve Carell (The Office), Gugu Mbatha-Raw (Black Mirror) e Billy Crudup (Gypsy).

Leia também: TV por assinatura Claro: conheça os planos

See

A série, estrelada por Jason Momoa (Aquaman, Game of Thrones), acontece no futuro, quando toda a população do planeta perde a visão por causa de um vírus.

Porém, com o nascimento de dois bebês que enxergam, o rumo da história muda de direção. A série conta ainda com Sylvia Hoeks, Hera Hilmar e Christian Camargo no elenco principal.

Oprah Winfrey

Oprah Winfrey estará em pelo menos duas produções do Apple TV+. Um abordará os diferentes tipos de abuso (sexual e moral) em ambientes de trabalho e o segundo será focado em saúde mental. Nesse, a produção será em parceria com o Príncipe Harry. O Duque de Sussex revelou a novidade na sua conta no Instagram.

Dickinson

O seriado acontece durante o século 19, contando com sensibilidade a história de Emily Dickinson – uma escritora iniciante à frente do seu tempo. Segundo a sinopse, “é a história de maioridade de Emily – a luta de uma mulher para que sua voz seja ouvida”. A série é estrelada por Halle Steinfeld.

For All Mankind

A série, estrelada por Joel Kinnaman (Altered Carbon), conta a história do astronauta soviético que foi o primeiro a pisar na Lua. O fato mudou os rumos da Guerra Fria e colocou o mundo em uma interminável Corrida Espacial.

A série foi criada por Ronald D. Moore (Battlestar Galactica). Seth Gordon (Baywatch) dirigiu os episódios. Além de Kinnaman, Michael Dorman (Patriota), Sarah Jones (Damnation), Wrenn Schmidt (Outcast), Shantel VanSanten (O Atirador) e Jodi Balfour (Bomb Girls) estão no elenco.

Leia também: Guia mostra as melhores séries da TV por assinatura

The Elephant Queen

The Elephant Queen é um documentário dos cineastas Victoria Stone e Mark Deeble, que mergulharam na vida de um rebanho de elefantes por quatro anos.

O filme estreou originalmente no Toronto International Film Festival e no British Film Institute’ s London Film Festival, em 2018, e a Apple adquiriu direitos mundiais para o documentário pouco depois.

De acordo com um comunicado de imprensa da Apple, eles estão “em uma jornada épica de vida, perda e regresso a casa”.

Servant

Série cheia de mistérios, Servant foi criada por M. Night Shyamalan. Ela conta a história de um casal da Filadélfia em luto que acaba tendo dificuldades no casamento e recebendo uma força sem explicação dentro de casa.

Os protagonistas da série são Lauren Ambrose (Six Feet Under), Toby Kebbell (Kong: A Ilha da Caveira), Nell Tiger (Game of Thrones), e Rupert Grint (Harry Potter).

Apple TV+ para todos os públicos

Para os menores, a programação anunciada também é cheia de expectativa.

Snoopy no espaço

As aventuras da turma do Snoopy estão de volta em Snoopy no Espaço. O beagle mais querido, que sonha em ser astronauta, vai realizar o desejo. Ele, Charlie Brown e os seus amigos são escolhidos para uma missão especial pela Nasa.

Helpsters

Produção educacional para as crianças, Helpsters tem a assinatura dos criadores da intemporal Rua Sésamo. Uma turma fantoches vai descontrair o público com questões do dia a dia.

Ghostwriter

Uma turma de amigos está disposta a resolver mistérios em Ghostwriter. A série, que é inspirada em série americana dos anos 1990, acontece em uma livraria assombrada, onde acaba se misturando ficção e realidade.

A experiência da Apple TV+

Para quem já tem aparelhos Apple (iPhone, iPad, Mac ou Apple TV) está garantido o acesso à Apple TV+. A novidade é que Smart TVs Samsung e outros reprodutores de streaming como Amazon Fire TV, LG, Roku, Sony e VIZIO também terão acesso ao app Apple TV.

Os clientes também podem se cadastrar e assistir aos títulos originais do Apple TV+ na web, em tv.apple.com.

De acordo com a Apple, no dia do lançamento, a maioria das séries do Apple TV+ estrearão com três episódios, com a transmissão de um novo episódio por semana. Outras séries terão temporadas completas disponibilizadas de uma vez só.

Outro ponto importante de se destacar sobre a Apple TV + é que, segundo a empresa, todos os conteúdos originais estarão disponíveis em 40 idiomas, sejam legendados e/ou dublados, incluindo legendas para surdos e pessoas com deficiência auditiva.

As séries e filmes da Apple TV+ também estarão disponíveis com descrições de áudio em oito idiomas. Assim, com tanta facilidade e por um preço atrativo, fica mais fácil comprar, alugar e assistir ao conteúdo personalizado. Sem sair do app é possível ver as séries e filmes favoritos e encontrar tudo o que já adquiriu no iTunes.

Filmes lançados nos cinemas

Ainda não existe uma confirmação oficial da Apple sobre como serão os lançamentos de filme na Apple TV+, mas o assunto está rendendo. Segundo a revista Variety, três longas já têm data para estrear nas telonas.

Confira as datas nos cinemas:

  • 18/10 – The Elephant Queen. Chega na Apple TV+ em novembro.
  • 22/11 – Hala. Chega na Apple TV+ em novembro.
  • 06/12 – The Banke. Chega na Apple TV+ no fim de janeiro de 2020.

Com as estreias nas telonas acontecendo antes mesmo de estarem disponíveis na plataforma de streaming, tenta-se entender se a postura seguirá nesse padrão ou trata-se apenas de uma estratégia inicial para lançamento da Apple TV+.

De acordo com o Wall Street Journal, a Apple busca prestígio e ainda pretende concorrer ao prêmio máximo do cinema, o Oscar, com as suas produções. Por isso, estaria buscando um cronograma de lançamento nas telonas parecido com a da Amazon, que aceita a exclusividade dos cinemas desde 2015.

Assim, adota com uma estratégia diferente da concorrente Netflix, que tem com lançamentos simultâneos no cinema e na plataforma de streaming.

Outra empresa que está prestes a lançar sua própria plataforma de streaming no Brasil é a Disney, aliás todas as produções dela devem sair do catálogo da Netflix a partir do ano que vem. Saiba tudo sobre isso neste outro artigo do Compara Plano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *