AirPods: o fone de ouvido sem fio da Apple

AirPods

Muitos descrevem o uso dos AirPods como uma experiência transcendental. Consideram ainda que o lançamento desses fones de ouvido sem fio foi a coisa mais revolucionária que a Apple fez depois do lançamento do iPhone. Por fim, dizem que, depois que você usa esses pequenos fones de ouvido que custam uma grande fortuna no Brasil, não consegue mais abandoná-los. Mas, por que será que as pessoas fizeram e ainda fazem tanto barulho ao falar desse acessório?

Convenhamos, os fones de ouvido sem fios ou cabos eram um verdadeiro sonho dos usuários. Lançados nos Estados Unidos em setembro de 2016 ao preço de US$159 (proibitivos R$1.399,00 no Brasil), os AirPods foram taxados de excessivamente caros e sofreram uma série de críticas por conta do seu visual pouco ousado.

Alguns usuários simplesmente achavam que os fones deveriam vir de graça junto com o iPhone ou afirmaram que nunca pagariam um valor desses pelo produto.

Entretanto, pouco mais de seis meses depois do lançamento, ainda era preciso esperar cerca de seis semanas para conseguir comprá-los diretamente da Apple — um tempo de espera inédito desde o lançamento do iPhone. A primeira geração dos AirPods foi um sucesso de vendas, com mais de 25 milhões de unidades vendidas no mundo.

O modelo foi lançado junto ao iPhone 7, que chegou sem a tradicional entrada de 3,5 mm para fones de ouvido. Para substituir os fios, usa dispositivos Bluetooth. Os AirPods são considerados um dos principais produtos do segmento.

Leia mais: Playstation 5: Sony anuncia lançamento para 2020

AirPods 2

Em maio de 2019, a Apple começou a vender no Brasil a segunda geração dos AirPods. Com a chegada dessa novidade, a primeira geração dos fones deixou de ser vendida no site oficial da marca. A maior novidade da versão 2019 é o carregamento sem fio, inexistente na versão original.

A caixinha de transporte dos AirPods agora pode ser carregada em qualquer carregador compatível com a tecnologia Qi, a mais popular do mundo nesse segmento. Se você já carrega seu celular em um acessório de carregamento sem fio, ele também deve servir para carregar a nova geração dos AirPods.

Outras novidades do AirPods 2 incluem o acesso à Siri sem precisar tocar nos fones. Basta dizer “Ei Siri…” e aguardar o retorno. A qualidade da conexão Bluetooth também foi melhorada, bem como a velocidade na alternância entre dispositivos.

 

AirPods Pro

Por fim, em outubro de 2019, a Apple lançou os AirPods Pro. O dispositivo chega ao mercado com melhorias em relação ao modelo anterior, como resistência à água e o sistema de cancelamento de ruído. Além disso, o design também mudou, e a empresa decidiu manter o chip H1, já disponível no AirPods 2, que permite acionar a Siri diretamente por comandos de voz.

Após o surgimento do fone completamente sem fio da Apple, diversas concorrentes lançaram seus próprios modelos, como Samsung (Samsung Buds), JBL (JBL Free), Sennheiser e Xiaomi (Redmi Airdots). Abaixo você confere mais detalhes sobre o modelo do AirPod lançado em 2016, que agora pode ser encontrado no mercado brasileiro a preços mais acessíveis. Vem com a gente pra saber se ele vale a pena para você.

 

Ficha técnica AirPods

Independentemente da versão, os AirPods têm áudio para o dia todo, são portáteis e fáceis de usar. Trata-se de uma experiência diferente da de qualquer outro fone de ouvido sem fio.

Basta tirá-los do estojo e eles já estão conectados com todos os aparelhos da Apple e prontos para envolvê-lo em um mundo de som de alta qualidade.

Lançamento: setembro de 2016

Preço: a partir de R$929

Peso: 4 gramas

Cores: branco

Conectividade: Bluetooth, Lightning

Bateria: 5 horas (24 horas com estojo)

Microfone: sim

Codecs: AAC

Unboxing

Depois de abrir a caixa dos AirPods, simples e pequena, você encontra um estojo ainda menor, do tamanho de uma chave de carro, na qual ficam acondicionados os fones. Tudo pequeno e delicado.

O primeiro impacto é mesmo surpreendente, pois o produto tem um grande apelo visual e uma atenção aos mínimos detalhes, que é uma característica da Apple.

Isso se nota em cada sensação tátil, no barulho ao abrir a tampa, na qualidade dos imãs que seguram os fones e nas demais peculiaridades do produto.

Design

O design dos AirPods é discreto e minimalista, mas também dá margem para algumas críticas.

A principal delas é que o fone não se adapta bem à orelha do usuário, como acontece com dispositivos intra-auriculares, o que pode desagradar a algumas pessoas.

Caso o produto não fique estável no canal auditivo, os AirPods podem gerar desconforto ou até cair facilmente. Esse problema foi resolvido nos AirPods Pro.

Qualidade de som

Os AirPods de primeira geração usam um microcontrolador W1, responsável por transformar os sinais enviados via Bluetooth em áudio. Outra função do chip é transformar o som da sua voz, coletado pelo microfone integrado, em sinais enviados ao telefone.

A nova geração dos AirPods, no entanto, usa outro controlador. O chip H1 é mais poderoso e, segundo a Apple, tem uma capacidade muito melhor de transmissão de voz sem chiados, algo interessante para quem utiliza o dispositivo para atender chamadas e também para utilizar a Siri, a assistente de voz da Apple.

Funcionalidades

A primeira geração dos AirPods tem como principal diferença a forma como a Siri é ativada. Se na nova versão basta chamar a assistente, nos AirPods 1 o recurso só pode ser acionado por toques na superfície do fone. A função touch também funciona para controlar a reprodução de músicas, o volume e para atender ou recusar chamadas.

Além de integração profunda com os produtos da Apple, os AirPods podem também ser usados com dispositivos de outras marcas. Porém, algumas funcionalidades – em especial relacionadas com os toques – podem não funcionar direito em outras plataformas.

Preço

Os AirPods de primeira geração são mais baratos e diferem pouco das novas versões. Eles não estão mais disponíveis para compra no site oficial da Apple. Entretanto, o modelo pode ser encontrado no varejo eletrônico por preços a partir de R$929. Já os AirPods 2 estão à venda na loja da Apple por a partir de R$1.439.

Em todo caso, é bom considerar outras opções no mercado, que podem ser ainda mais interessantes, se você não tiver nada da Apple.

O Galaxy Buds, modelo completamente sem fio recentemente lançado pela Samsung, tem preço oficial de R$999. Há ainda fones como os JBL Free X, que está à venda na loja da JBL por R$759 e apresenta recursos semelhantes.

Diferenças entre os novos e os antigos AirPods

Visualmente, os AirPods 1 e 2 são idênticos. Entretanto, as diferenças existem e elas estão dentro do produto, com melhorias em seu hardware que permite uma hora a mais de conversação, além de um aumento de 50% no tempo de uso em reprodução de áudio.

Ou seja, há maior autonomia, novos cases com suporte a recarregamento wireless, chip H1 e melhor bateria.

Já os AirPods Pro vêm com um design distinto dos modelos anteriores. Três pontas de silicone acompanham os pares, para assegurar um encaixe mais seguro e confortável na orelha.

Além disso, para evitar qualquer tipo de desconforto, a Apple diz que os AirPods Pro têm uma abertura feita para prevenir o acúmulo de ar dentro dos ouvidos, o que poderia causar a sensação de pressão, como ocorrem com outras marcas. E, diferentemente dos AirPods 1 e 2, os novos modelos são resistentes a suor e água, o que deve ajudar a quem os usa em ambientes abertos ou na academia.

Outro importante recurso dos AirPods Pro é o cancelamento de ruído ativo. O avanço se apoia no uso de microfones externos dos fones de ouvido, que analisam os ruídos do ambiente. Depois, adiciona-se ao som as chamadas ondas antirruído, para “cancelar” os barulhos.

A Apple afirma que os AirPods Pro realizam esse processo 200 vezes por segundo para garantir que o som exterior não afete o que a pessoa está ouvindo.

Todas essas novidades, porém, chegam acompanhadas de um preço bem mais salgado. No site oficial da Apple no Brasil, não há data prevista para a estreia no mercado nacional. Contudo, mesmo assim, o preço já está lá: R$ 2.249. Para comparação, então, os AirPods 2 saem por R$1.439.

Resumindo

Os AirPods, em quaisquer das suas versões, são excelentes opções de mercado para quem pretende adquirir um fone de ouvido sem fio. Contudo, é preciso estar preparado para pagar tudo aquilo que a marca-conceito costuma cobrar por seus produtos: pequenas fortunas.

Vale lembrar, também, que um lançamento em particular pretende atender aos usuários desportistas, chamado de PowerBeats Pro. Se você não o conhece, é bom dar uma comparada antes de optar por um ou outro.

Leia mais: iPad barato: Apple vai lançar modelo acessível em 2019

Se você gostou do nosso conteúdo e quer saber mais sobre tecnologia, então acompanhe o Compara Plano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *